sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

WELCOME, 2011!!!!





"Ela acreditava em anjos e, porque acreditava, eles existiam." (Clarice Lispetor)




Feliz ano-novo a todos!!
Que seja bom!
Que seja o melhor!
Nos vemos ano que vem ;)

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

DESAPEGANDO DO ANO QUE FOI

Ah... 2010.
Começou promissor e logo desandou.
Mas vamos focar no que está vindo e não no que foi.



(neste post sobre renovação, vou usar minhas fotos de criança. Assim também mato a curiosidade de vocês, rs. Pena que não achei foto minha de saci. Ah, em tempo: viu? As mães cortavam o cabelo das meninas "romeuzinho" também, rs. Taí, meu primeiro cabelo curto)

Então, pra desapegar, hoje faço a minha faxina de ano-novo.
Estou limpando armários, separando roupas e sapatos que não uso pra mandar embora, organizando o escritório, jogando fora papéis velhos, consertando aquelas pequenas coisas da casa que ficam pendentes (lâmpadas a serem trocadas e coisas assim).
Pra começar 2011 de forma limpinha, fresquinha, como folha em branco.

As pessoas tem medo de folhas em branco. Engraçado – eu nunca fui assim.
Na escola eu olhava aquela folha em branco e enxergava tantas oportunidades novas....!

(meu pai criava Filas quando eu era criança, e eu vivia no canil com eles. Tenho mil fotos arrumadinha, penteadinha, com roupinha de escola... mas escolhi aquelas de pé no chão, as simples, que me lembram meus momentos mais felizes)

Assim, já que a ordem do dia é colocar tudo em branco, acho que uma faxina mental está em pauta também.

Aprendi algumas coisas em 2010:

- que traição e ingratidão (de todos os tipos) dói, dói muito, e que eu tenho baixa resistência a ambas. Mas que não adianta chorar.
Que meus óculos rosa precisam de uma lente verde à vezes, pra manter as coisas em perspectiva. E que eu tenho de ser mais sabida – não baixar taaaaaanto a guarda.
Mas também, que se existem esses seres que passam a vida na sua confiança, pra de repente te decepcionarem, pra cada um deles também existe um amigo novo, um amor que se fortalece, e pessoas que você descobre. Então, ponto positivo – pessoas egoístas não podem te fazer esquecer das legais J

- aprendi que nada-nada-NADA é eterno, que o eterno é efêmero, mesmo que esse efêmero dure 100 anos. Aprendi que as pessoas FELIZMENTE mudam, e que ficar marcando passo, insistindo em manter as coisas iguais a todo custo é muito cansativo. E que quem não muda ou não evolui, papa mosca.

- aprendi que dinheiro é.... dinheiro. É ótimo, não dá pra viver sem, mas que a gente sempre pode ganhar mais. E que ele DEFINITIVAMENTE não compra (e não vale) certas coisas.

Em relação às resoluções de ano-novo: NÃO FAREI NENHUMA!
Tudo que eu resolvi e decidi, já venho resolvendo há algum tempo. Não tem nada que tenha sido decidido de supetão agora, que tenha aparecido de surpresa, como um insight.
A minha palavra de ordem de 2011 vai ser ORGANIZAÇÃO – me organizar pra poder fazer e encaixar tudo o que gostaria.


(o amor pelos caninos é antigo...)

Mas desejos eu tenho, claro!
Desejo que 2011 seja mais alegre, mais engraçado e menos sisudo.
Que a gente possa ter mais leveza, mais tranqüilidade pra fazer as coisas.
E que eu volte a não levar as coisas tão a sério.
Me divirta mais, tenha mais prazer nas coisas que eu faço.

E vou continuar a mesma – escrevendo tudo que desejar escrever, falando tudo que desejar falar, confiando mais do que devia, esquecendo de pagar as contas, sendo cínica, ácida, ranzinza, mas por vezes também tonta, romântica e crédula. 
Vou continuar tentando mil dietas, mas gostando de comer bem e não abrindo mão de sobremesa; testando cursos novos, mesmo sem saber se vou terminá-los; lendo sem parar, coisas profundas e coisas fúteis também; mudando de opinião sempre que outra me parecer mais acertada – uma metamorfose ambulante com orgulho.

Pra quem é peixe de água corrente, como eu, e não gosta de aquários pequenos, eu convido – VEM!
Vem comigo!
Vem em mais um ano de aventuras, de confusões, encontros e desencontros, risadas e palavrões.
Vamos, Alice, que o buraco do coelho nos aguarda!
Bem-vindo 2011!


segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

UMA PAUSINHA, PELAMORDASANTA!


ARRRGGGHHH!!
Não aguento mais ver peru, pavê e rabanada pela frente!!!
Depois de 3 dias comendo "suinamente", e chegando ao desplante de comer essas coisas no café da manhã, tou com nojo de mim, rs.
Comi tanto que o B anda me chamando de MOCOTOZINHO, hahahahaha.
(a drenagem linfática hoje vai ser boa, rs)

E foi maratona, sempre é!
Aqui em casa a gente divide assim: dia 24 ceiamos na minha mãe, depois voltamos correndo pra casa pra curtir aqui (nossa troca de presentes, abrir as coisas e tals).
Dia 25 dividimos - almoçamos na casa da minha tia (com a minha família por parte de pai) e lá pelo meio da tarde vamos pra casa dos pais do B e.... ALMOÇAMOS DE NOVO!
É uma vergonha a quantidade de comida que a gente consome! rs

E tem amigo-oculto, né? Mais de um.

Esse ano ainda foi mais PUNK - "papai-noel" trouxe um X-BOX 360 pra criança (com direito a um KINECT e tudo em janeiro) e ela e o B passaram o dia 24 pra 25 jogando até de manhã, aff!

Bom, entre mortos e feridos salvaram-se todos! Foi muito divertido.
Mas.... agora preciso de um tempinho pra me recuperar - eles dois estão de FÉRIAS e dormem até tarde.
Eu não, tou aqui trabalhando e resmungando, rs.
Mas tá beleza - vou na marcha lenta hoje.

(só até mais tarde - lembrei que tenho que ir até o Barrashopping trocar logo uns presentes!
G-sus proteja minha alma!! rsrs)

sábado, 25 de dezembro de 2010

SOBRE PRESENTES DE NATAL


Às vezes o melhor presente pode não ter sido comprado.
Às vezes pode não ter sido embrulhado.
Pode ser um gesto de carinho.
Uma declaração. Um telefonema.


Pode ser até um email.
Altas horas da noite, vindo de um iPhone, quando você não está lá presente fisicamente, mas está em pensamento.
Um presente de afeto, de cuidado, de carinho, de espontaneidade: 



"Amore! 

Acabo de me render às "cornetaçoes" de minha futura esposa e anunciei o que, por infelicidade de não encontra-los juntos, não anunciei antes... 
Vocês (Rafa, Deia, B e você) serão meus padrinhos!!!! Queria que você soubesse junto com eles, por isso anuncio!!! Agora.... 
Beijas  
Te amo 
Sá"



E ser amada... ai, que sou fraca com essa coisa de ser amada e querida.
Me deixa de quatro, de joelhos mesmo. Eu quebro.
Brigada pelo convite, amore!
Prometo ser a melhor das madrinhas de casamento :)







quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL!

MAS OS FILHOS TAMBÉM TRAUMATIZAM OS PAIS.... RS


No último post minha mãe botou um comentário, e logo depois me ligou:

- Não é só pai que mata filho de vergonha, né filha? Você esqueceu??????

Ela me lembrou que quando eu era pequena cismei que queria uma fantasia de.... SACI!
Qual a MENINA normal que quer ser o saci?????????????? HAHAHAHAHAHAHA

Na minha época não tinha as princesas da Disney como tem hoje, mas tinha mulher-maravilha, Branca de neve... imagina como a pobre da minha mãe penou pra arranjar uma fantasia de saci??!!
Pior - eu queria sair na RUA fantasiada de saci, então minha mãe foi andar comigo no viaduto do Méier, perto de onde a gente morava e teve de aturar os olhares dos outros achando que ela era maluca de sair com aquela menininha de short vermelho e gorro, com um mini-cachimbo, com as duas pernas enfiadas no mesmo buraco do short e PULANDO NUMA PERNA SÓ.

Eu já era peculiar, rs.

Minha mãe aproveitou o telefonema pra relembrar outros micos que fiz ela pagar:
TODAS as meninas queriam festa da mulher-maravilha, ou coisa que valha e eu encasquetei que queria uma festa do ZÉ CARIOCA, HAHAHAHAHAHAHAHHAAHA.
Lá foi a pobre da minha mãe correr atrás de alguém que fizesse um bolo com um Zé Carioca em cima.
Ela ainda tirou um sarro da minha cara quando lembrou dessa:
"filha, hoje você é metida a anglófila, mas bem que era doida pelo Zé Carioca, né!" rsrsrsrs

Eu era terrível. Falava pelos cotovelos e tinha os gostos mais esdrúxulos.
Minha mãe lembrou ainda que as outras meninas usavam tudo ROSA, enquanto eu... ela falou que dava até desespero - se alguma coisa tinha a cor berrante, era roxo ou verde-bandeira..... era ISSO que eu queria, rs.
Ela mencionou especificamente uma sandália roxa que eu amava e que matava ela de vergonha (hoje é até comum, tá na moda, mas naquela época os outros achavam que ela tinha um parafuso a menos de deixar a filha sair assim), e uma galocha do Bubblegummers vermelha, que eu não tirava nem pra dormir, era uma guerra!
Hummm... acho que vem daí minha paixão pelas galochas, rs.

E por fim, ela me espezinhou lembrando de outra festa maluca que eu inventei e que ela penou: de DANCING DAYS!!!!

Isso mesmo, a NOVELA DA GLOBO!
Eu devia ter uns 5/6 anos, sei lá!
E queria porque queria uma festa que tocasse discoteca, e usei óculos de gatinha e meias lurex, HAHAHAHAHAH.

Nisso eu interrompi minha mãe:
- Ok, ok... eu era uma criança ESTRANHA, já saquei. Não precisa lembrar mais NADA!

Ainda bem que minha filha tem um gosto mais "standard", ufff!
Fiz minha mãe de gato e sapato.
SORRY, MOM!!!!!! rsrsrs

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

SOBREVIVENDO À INFÂNCIA



Conversando sobre os presentes de natal da criança.
Eu pra ele:

- A gente tem que comprar EXATAMENTE o que ela pediu - não adianta comprar qualquer um, nem um parecido, tem que ser aquele....
- É, né?
- É. Esses pais que o filho pede uma coisa e que compram qualquer coisa por falta de atenção, não porque não podem, mas por falta de atenção, sabe como é... isso pode causar traumas permanentes - falei fazendo graça.

Ele fez cara de quem estava se lembrando de alguma coisa:

- Pois é.... quando eu era criança, uma vez eu pedi pra minha mãe uma FANTASIA DO SUPER-HOMEM de natal. Tava doido pela fantasia do Super-homem! Mas a minha mãe não encontrou e... me deu uma do ROBIN.

Eu não ri e fiquei em silêncio, esperando o que ele iria falar.
Ele continuou:

- Bom, não foi por falta de atenção, é que a fantasia do super-homem esgotou... antigamente era assim, os brinquedos às vezes acabavam perto do natal, e não tinha internet, essas coisas...
- É, era mesmo. Bom, pelo menos ela te deu outra fantasia.

Ele fez cara de revolta:

- PUTAQUEOPARIU, mas era a do ROBIN!!!
- ?
- Que pelo menos fosse a do BATMAN, né?! Era do Robin... e o Robin  é um VIADINHO! Caceta, eu peço a fantasia do herói mais macho que tem, que toma até bala no peito e recebo a do mais bicha, que a única coisa que toma é no....??!!!

Eu rolando de rir:

- CARALHO.... o Robin é praticamente a CONCUBINA DO BATMAN! Imagina ser sacaneado por causa da fantasia do Robin...?! Eu podia ser TRAUMATIZADO por causa dessa porra!!

Eu gargalhava. Ele completou:

- Aliás, caraca, eu SOU MUITO MACHO mesmo! Porque a minha mãe tentou me transformar num baitola de tudo que foi jeito! Só sendo muito macho mesmo pra ter sobrevivido, depois dela me mandar pra escola de calça BAGGY e com aquele cabelo ROMEUZINHO, tipo capacete, que ela cortava!  Putamerda!

SANTO TRAUMA, BATMAN!!! rsrsrsrs

2011 de Primavera pros Saladeiros - por Mari Paes


Quando vi no blog que teria o privilégio de dividir um texto meu com vocês, leitores do blog que me alegra diariamente, pensei muito... perguntei ao meu namorado o que ele achava do assunto, procurei no computador umas crônicas minhas antigas! Achei importante abordar esse grande ímpeto de transformação que atinge a humanidade nas vésperas da virada!

E por que só paramos pra analisar se estamos mesmo cumprindo com nosso objetivo no final do ano? Janeiro vem da palavra Jano. Jano é o Deus romano das portas, das passagens, inícios e fins. Nada mais justo do que celebrar um recomeço e fazer desse mês o início de muitos projetos! E quantas das suas metas foram cumpridas em 2010?

Sugiro que você faça uma lista para 2011 e guarde... reveja essa lista todos os meses e analise se realmente está trabalhando por esses objetivos. Na correria diária, somos tragados para a internet, celular, pela nossa eterna pressa de querer tudo pra ontem! 

Aí, tentamos nos eximir da responsabilidade por nossos próprios sonhos e metas e fazemos promessas. Claro, porque se nada der certo a culpa não será minha, será do Santo! Assim é fácil! Coitado do Santo.. você pede uma coisa, não faz sua parte e ainda põe a culpa nele. Muitas vezes o Universo te proveu muitas oportunidades de ir pelo caminho da concretização das metas e você, com preguiça, má vontade, preconceito ou simplesmente mal humor dispensou!

Começamos a mudar nossa relação com nossos próprios sonhos quando vemos cada dia como uma véspera de Ano Novo, sem perder de vista os objetivos maiores mas sabendo que atitudes diárias é que nos fazem chegar onde queremos.

Há um sábio dizer budista que diz: "O inverno nunca falha em se tornar primavera". Ou seja, se agirmos diariamente para ser a melhor pessoa que pudermos, teremos sim momentos difíceis, mas deles nascerão belos e coloridos tempos! O frio severo do inverno é necessário para amadurecer as flores que nos encantarão na primavera... num eterno ciclo.

Então, se você pensa sobre 2010 e acha que tudo foi inverno (a Elise até fez um post sobre isso), não se preocupe, a primavera está 
chegando! Em 2010, vivi com essa filosofia de não perder de vista meus objetivos e espero que para vocês também seja transformadora essa visão... e, para terminar o ano mais feliz, no intervalo da gravação do meu primeiro CD, recebi a notícia de que escreveria pro Salada huahauahua

Ai, escrevi demais *rs. Elise, obrigada pela oportunidade! Leitores, obrigada por também fazerem do Salada uma das minhas diversões internéticas favoritas.

Foto: No inverno, galhos secos ainda sim são manifestação de vida. Crédito: Marco Antonio Martins

Beijos,
Mariana Paes
Professora de Técnica Vocal e Jornalista


terça-feira, 21 de dezembro de 2010

SINAL DOS TEMPOS...



- Pai, hoje vai ser a festinha de aniversário do meu amigo... posso ir?
- Pode filha, onde vai ser, no salão de festas?
- Não... o pai do menino vai levar a gente pra andar de kart.
- Hum... que legal, filha. Kart, é? E que horas é pra levar?
- Ah não, pai. Não precisa se preocupar. A gente vai com os pais do aniversariante mesmo...
- E como que ele vai levar esse tanto de criança??? Ele alugou uma van???
- Não... uma LIMOUSINE!

Silêncio embasbacado de nossa parte.

Na minha época o máximo de legal era quando alguém comemorava o aniversário no McDonalds!
E a mãe tinha hora pra levar e buscar.
Hoje ela me vem com essa de limousine.
Limousine, é mole?

PS: pior que ela foi mesmo e AMOU. Muito medo do aniversário dela do ano que vem... vai que essa porra vira  moda!

PS2: EU nunca andei de limousine!! hahahha

CASAMENTO TROLOLÓ

Atendendo a uma pergunta do Form, que queria saber como foi nossa cerimônia de casamento. Eu tento não ficar fazendo posts românticos, mas vocês não me deixam ;)

Olha, eu vejo as noivas ficando nervosas com os próprios casamentos e morro de rir, rs.
Tanta coisa desandou no nosso, que se a gente não desse risada e levasse na boa, tinha tido uma síncope.
Como a história dá uma SAGA, vou cortar pras partes mais relevantes.


Pra começar que nas vésperas do negócio, descobrimos que nosso DJ era uma bomba.
Nós tínhamos criado uma lista ESPECÍFICA do que era pra tocar e do que não era, porque eu tinha muito medo que tocasse pagode ou axé na minha festa, rs.
Ou Roberto Carlos ou Kenny G, sei lá.
Nós queríamos que fosse bem Rock'n Roll.
E um dia antes do evento, depois de pressionar o cara, descobrimos que ele não tinha NEM METADE das músicas da lista. O cara era um MERDÃO!

Lá vai o B, puto da vida, virar a madrugada baixando música.
Eu passei o dia no salão com a minha madrinha, e depois fui me vestir num camarim no local.
Nossa festa foi num casarão - cerimônia ecumênica ao ar livre, no jardim, e festa dentro do salão.
Tinha um padrinho encarregado de levar o B até lá no horário, pois o B é um notório atrasildo, rs.

Então estou lá, no camarim, arrumada desde sei lá que horas, sem ver os convidados chegando, só com as duas madrinhas e minha mãe e tals. Nisso, alguém vem ao camarim perguntar o seguinte - o boçal do DJ queria saber qual seria a música da hora das alianças.
A gente tinha bolado um esquema simples e anti-convencional de músicas pra cerimônia:
todo mundo entraria com o mesmo clássico instrumental (não tinha uma música pra pai, outra pra noivo... nada disso), e eu entrava com YOUR SONG, na versão cantada em Moulin Rouge.
Depois sairíamos do altar com FOREVER, do Kiss, rs. 
Só.

Só que o cara queria uma música pras alianças. Eu, já meio puta, falei "bota qualquer música lenta", confiando no gosto do imbecil. Vai vendo.




Aí, chega a hora, sai mãe, saem madrinhas, sai a Memée (que era nossa daminha) e me deixam sozinha com uma garrafa de vinho no camarim, rs.
Tou lá esperando alguém vir me chamar, já meio altinha, quando NÃO MAIS QUE DE REPENTE escuto a MINHA MÚSICA de entrada tocando lá fora.
Eu iria descer uma escadaria, e  meu pai estaria me esperando lá embaixo pra andar comigo até o altar. Só que no ensaio a música só começaria comigo no alto da escadaria. E eu estava no camarim ainda. Maldito DJ!

Gritei um "MERDA!"  e saí correndo.
Eu tinha que passar por dentro do salão pra chegar à escadaria.
Peeps, valia à pena ver a cena - eu segurando as saias do vestido, correndo como se estivesse disputando os 100 metros rasos, driblando mesa, esbarrando em cerimonialista...

Comecei a descer as escadas em "créu velocidade 5", de medo da música acabar sem eu estar no altar, rs.
Meu pai, no pé da escadaria, emocionado, chorava e não entendia nada. Tive de segurar o braço dele e praticamente arrastá-lo, pois o véio estava totalmente desnorteado.

Aí tudo bem - caminho até o altar, choro deslavadamente ao ver todo mundo chorando (aff, parecia até que eu estava encalhada, tanto que choraram nesse casamento, hahahaha) e começa a cerimônia.

Aí várias coisas engraçadas aconteceram em sequência (engraçadas pra não dizer trágicas, rs).
O pastor, mó simpático, tá lá fazendo o breve discursinho dele sobre amor, quando de repente começa uma música GOSPEL.
Eu olhei pro B disfarçado e ele fez cara que não estava entendendo. Olhamos pro DJ, e ele fez sinal que não era ele.
Acontece que o casarão era PERTO de uma igreja evangélica, e eles resolveram começar um culto com música bem naquela hora!

Eu e ele nos torcíamos no altar pra não gargalhar, rs. Era rir pra não chorar.
A música não era alta nem nada, mas estava silêncio, então você ouvia ao longe. Na filmagem dá pra ver a gente se segurando pra não rir.

Passado o momento gospel, chega a vez das alianças.
A essa altura eu já tinha esquecido que o quadrúpede do DJ tinha pedido uma música. Tou lá com a minha mãozinha esticada, esperando a aliança, quando começam os acordes da música do TITANIC.
Olha, te falar que nem é porque o navio AFUNDOU E MORREU TODO MUNDO, e eu não ache isso auspicioso pra casamento não, rs.
Acontece que eu ODIAVA essa música e ODIAVA Celine Dion "di com força".

Eu olhei pro DJ com ódio no coração, e sem pensar que tinha gente filmando levantei um dedo e passei pela minha garganta, num sinal de "cortar o pescoço", sabe como?? hahahaha
Ele ficou pálido, mas entendeu - tirou imediatamente a música e me evitou o resto da noite, de medo deu assassinar ele.

E por fim, pra encerrar essa cerimônia curiosa, começamos a ouvir risadinhas atrás de nós.
A criança tinha corrido da pessoa que olhava ela (minha mãe ou minha sogra, não lembro) e estava no meio do corredor dançando e levantando o vestido, mostrando as calcinhas pros convidados, que não conseguiam segurar a risada.



Depois ela quis vir ficar conosco, e eu deixei, claro.
Passou o resto da cerimônia no meu colo e saiu com a gente do altar, andando no meio.

Olha, a cerimônia foi muito trololó e engraçada, e aconteceu tanta coisa que eu não prestei atenção a uma palavra do que disse o reverendo lá, rs.
Mas todo mundo comentou que foi bonito e divertido.
Às vezes esses imprevistos incrementam o negócio.
E depois de anos viram história pra contar ;)

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

PARABÉNS!!!



Foram 45 comments válidos, concorrendo ao "privilégio" de escrever um post à escolha aqui no Salada!
Eu ADOREI!!
(acho que vou fazer isso uma vez por mês, agora, rs. Eu achei muito legal dar espaço pros leitores poderem escrever também)

Bom, usei um site de sorteios, que dá resultados randômicos, ok?



E O RESULTADO FOI.....

Número Aleatórios - Resultados

20/12/2010
Número de Resultados: 1
Min: 1 e Max: 45
26


QUE É O NÚMERO DE....


Blogger Mari Paes disse...

Eu quero, eu quero, eu quero!

marianapaes@gmail.com

Que bom que você "quer, quer, quer!!", chérie!! rs.
Sinal de que o post vai vir cheio de entusiasmo!!
Você tem que me entregar o post até amanhã (terça, dia 21) à noite, e ele pode ser sobre o que você quiser, do tamanho que quiser, com a imagem que quiser... se você quiser, posso escolher a imagem por você, como preferir!
Envie o texto (ou tire alguma dúvida comigo) para o email elisemachado@hotmail.com, ok?
Todos nós vamos ficar aguardando ansiosamente!!
Obrigada a todos os que participaram!!

A ETERNA ANGÚSTIA FEMININA...


A batalha é velha - acho que eu tenho celulite desde a barriga da minha mãe.
Meu primeiro tratamento anti-celulite deve ter sido lá: à base de placenta, rsrsrs.

Como vocês podem ver por este post antigo aqui, isso já foi e é sempre assunto aqui em casa. Acho que na de grande parte das mulheres, né?
O que fazer pra melhorar?
O próprio corpo, a própria bunda, a celulite, gordura localizada...

Bom, vou contar a mais nova.
Aproveitando a onda "barateira" desses clubes de compras coletivas, comprei um pacote com 10 drenagens linfáticas + 10 aplicações de ultrassom, contra flacidez e celulite. Paguei uma merreca com, sei lá uns 80% de desconto, e tou serelepe.

Acabei de voltar da primeira sessão. Vou fazer 2 por semana.
Olha, é óbvio que não deu resultado nenhum ainda, tendo feito só uma.
Mas tou feliz mesmo assim.

A mulher lá apertando suas gorduras, passando creme e aparelhinho... te dá uma sensação muito boa de que aqueles "marvados buracos" tão saindo, rs.

PS: não podia deixar de comentar. Claro que cheguei em casa e ele perguntou: "e aí, já "consertou" tudo? Deixa eu ver!".
E eu "não, né, não é assim... só fiz uma sessão". E ele engraçadinho "tem que deixar a bunda lá e voltar com outra... essa tá com defeito de fábrica".
GRRRRR!!!! rsrsrs

PS2: o tal do Celluli solution que eu comprei e tomei, lembra? Ó, gostei não - tudo bem que só tomei uma caixa, mas não vi resultado não!!!

QUE CALOR, E QUE SAUDADES DO MEU CABELO CURTO!!


Calor, muito-muito-muito. O cabelo crescendo rápido, rapidíssimo! Quase erva-daninha!
O cabeleireiro sem horário pra atender e aparar.

Cara... tá me dando uma saudade enorme do meu cabelo curto. Curtinho, joãozinho.
Eu cortei a primeira vez curtinho aos... 19 pra 20 anos, acho.

Insistência do ex, que era tarado na Madonna (que na época usava o cabelo curtinho na turnê do Erotica).
Cortei com o Sérgio Werner, no Barrashopping, que acabou virando amigo, na época.
E ele cortou sem dó - eu tinha o cabelo grande. Ele amarrou com um elástico e rapou tudo na nuca de uma vez.
Eu achei que fosse sofrer, sentir falta. Que nada!
Me senti tão livre.... depois de anos eu via meu rosto. Não o cabelo, não o conjunto. Eu me via, meu rosto mesmo. Me senti bonita por MIM MESMA, e não por causa de cabelo. Me senti diferente. Recomendo a experiência.

Adorei. Viciei. Só deixei crescer de novo uma época (por pouco tempo). Mas eu fico péssima de cabelo grande.
Assim como está hoje, acima do ombro, é o máximo que consigo.

Essa foto tem uns 5 anos. Eu e a galera que trabalhava comigo.
Tá me dando uma saudade danada... rs.
Embora não vá cortar tão curto de novo (o B IMPLORA que eu corte assim - ele me conheceu de cabelo curto e AMA), acho que vou cortar um tiquinho mais do que o meu quase chanel....

Aproveitar o verão ;)

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

ELES NÃO LEVAM NADA A SÉRIO (FELIZMENTE)


Conversando sobre meus exames de sangue com ele.
Aborrecida com os resultados.

- E aí... eu vou morrer - falei fazendo drama e rindo, enquanto abria a porta da geladeira.

Ele distraído, sentado no sofá:
- Bom... já que você vai morrer mesmo, então bota um copo de refri aí pra mim - quando viu que eu fazia uma careta, justificou rindo - Você não quer morrer tendo feito PELO MENOS alguma coisa útil????

Quase taquei o copo na cabeça dele.
Sentei e a conversa continuou; eu contando das taxas alteradas e ele ouvindo. Levantei, ainda falando e fui andando na direção da cozinha de novo.
Nisso ele GRITA, me assustando:

- Nita! NÃO VÁ PARA A LUZ! NÃO VÁ PARA A LUZ! - e começou a gargalhar.

Que ódio, rs.
Não é pra matar a criatura??
Depois eu me recusei a contar o resto da história dos exames, e ele ficou com remorso.
Só de ruindade, falei que ele ia acordar e me encontrar mortinha, gelada do lado dele.

Ele não achou a menor graça, rs.

(AGORA PRA ELES TAMBÉM) O COMERCIAL DE NATAL MAIS SEXY EVER

Esse eles vão gostar tanto quanto nós, girls ;)
Eu fiquei suspirando com esse anúncio da Victoria's Secret - a música, as palavras, a ambientação...
É muito... sensual.
Te contar que fiquei DOIDA pra ganhar lingerie de natal, hahaha.

PORQUE AS MULHERES NÃO GOSTAM DE PORNOGRAFIA




Bom, algumas gostam ;)

Mas eu tou falando de forma generalizada (e nada mais burro do que a generalização, lembram?)
É que escuto muito isso - de amigos e de amigas. Ou, conhecidos e conhecidas. É coisa difundida - o namorado/marido se sente na obrigação de esconder os dvds de putaria. Ou fechar rápido uma janela do RedTube no micro. Ou só assistir o canal da Playboy depois que ela dorme.
Ou recebe aqueles vídeos bem toscos dos amigos, e guarda no micro numa pasta escondida.
Já ouvi muita coisa assim; é comum.

Mas por que, hein?

Eu até podia entrar numas de bancar a bem resolvida e dizer: "deixa de bobagem - assiste com ele! É legal, você que nunca prestou atenção" ou "Deixa de ser reprimida".
Isso seria muito simplista.
Acontece que não é por aí. Meu gosto pessoal aqui é totalmente irrelevante.
O que é relevante é que acho que as mulheres, de forma geral, estão desde sempre em desvantagem sexual, em relação aos homens. Então, não acho justo cobrar isso de qualquer mulher, nem acho justo condenar aquelas que não vêem graça no negócio.

Pensa - enquanto eles viam a Playboy, ou assistiam filme pornô escondido (ou nem tão escondido assim, pois os pais gostam que os filhos vejam desde cedo, como se isso fosse assegurar a sexualidade do moleque. Uma bobagem), enquanto isso a gente ouvia contos de fadas. E lia romances.
Nessas porras dessas histórias, o sexo é tão díspar da realidade, que custa a acreditar que sejam a mesma coisa!

Desde o berço, nós somos TREINADAS pra romance.
Eles são TREINADOS pra sexo.

É grosseiro, mas é a pura verdade.
O difícil é os dois se encontrarem no meio do caminho, num meio termo de expectativas.
E infelizmente algumas mulheres não conseguem nunca chegar nesse meio termo.

Um filme pornô é uma coisa visual. Só. Nem história precisa ter.
Os homens são muito visuais. Basta ter um p... martelando sem dó uma b...., que tá de bom tamanho.
Antes? Depois? Bah.

Aí a vendida da mulher, que já cresce acreditando que aquilo é coisa de homem, ou de puta, ou feio, ou sei lá, assiste e... não se reconhece ali. Não se identifica. O cara se reconhece. A mulher não.
Difícil.

Por isso que filmes como "Infidelidade" fazem tanto sucesso com a mulherada - aquele troço poderia ser vendido como pornô pra mulher!
Tem sexo? Ok, tem. Mas o cara pega a mulher, e beija, e sopra, e puxa, e pega por trás, e segura assim e assado, e provoca, e mordisca, e...
É sexo, mas muito mais próximo da coisa idealizada pelas mulheres.

Então se a sua mulher não curte, seja compreensivo.
Agora, se o seu bofe curte (e TODOS OS HOMENS DA FACE DA TERRA CURTEM, rs. E aqueles que dizem que não vêem pornô tão mentindo, rs), dê uma chance pro negócio.
Tente olhar a coisa "out of the box".
Pode ser que você não curta todos (eu acho a maioria um tédio ou broxante), mas pode descobrir qual TIPO de pornografia turns you on!

De repente você descobre que gosta de um estilo de filme, ou de ler pornografia (rs), ou sei lá o quê. Quem sabe vocês não podem curtir juntos? Não digo tudo - mas pode adequar de acordo com o seu limite.
Ouvi uma coisa uma vez que faz todo sentido - essa coisa da libido é exercício; quanto mais você estimula, com mais vontade fica.

E se, ok, você chegar à conclusão que não curte MEEESMO, nada, quem sou eu pra julgar - mas pelo menos não aporrinhe ele por assistir.
Porque né, só mesmo a pudica da Madre Teresa de Calcutá é que acharia que ver pornografia é algum tipo de traição, e sentiria ciúmes disso.
Aquilo ali não significa nada ;)

A MÚSICA DE NATAL MAIS HOT EVER! RS

Pra você hiperventilar logo cedo, rs
Quem disse que natal não pode ser "hot"? ;)

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

PEGAR OU LARGAR


Essa promoção eu não podia deixar de avisar pra quem é do Rio!

Corre que é por tempo limitadíssimo, ou enquanto durarem os barris.
O Zona Sul Atende entrega em quase todo o Rio, e algumas cidades como Búzios, Angra, Região Serrana...

AQUI!

Ó que presente de amigo-oculto ótimo praquele seu amigo manguaceiro!! rs
E pra quem nunca usou esse tipo de barril - não precisa choppeira, ok? Ele já vem pronto pra usar. É só colocar no gelo ou no congelador.
A 20 pila cada barril, dá pra comprar um monte pro natal e ano-novo e fazer festa com chopp em casa!

PRESENTE DE NATAL DO SALADA



O natal DEFINITIVAMENTE tá chegando (tipos, não dá mais pra fingir que falta muito, rs)

Eu adoraria dar mil presentes para vocês; pra cada um de vocês, leitores e amigos que estão sempre por aqui, me acompanhando, rindo, concordando, discordando e me aturando.
Só que. Não dá.
Pobre é uma merda (rs), e meu pequeno bloguinho não tem um mega patrocínio.

Então, meu amigo Cláudio sugeriu uma coisa legal:
VOU SORTEAR UM POST!!!!

Assim - quem ganhar tem o direito de escrever um post que vai ser publicado aqui no Salada. Pra falar sobre o que quiser!
Que tal?

Vamos à mecânica do negócio:
- CONCORRE quem comentar neste post aqui.
- O sorteio vai ser no dia 20, e o post vencedor vai ao ar dia 22, tudo agora de dezembro, lógico.
- Só vale um comment por pessoa (com risco de desclassificação, ok?)
- Se a pessoa que comentar não for cadastrada, tem que deixar um email pra contato, ou jeito de ser contactada (tipo, pelo  menos nome completo, sei lá)
- A pessoa escreve sobre o que quiser (sobre ela, sobre o Salada, sobre o Afeganistão, rs), e escolhe a imagem, se quiser. Só vou vetar texto se ele contiver incitações à violência ou for deselegante ou preconceituoso (tipo, "morte à todos os chineses"; aí não, né peeps! rs). Fora isso tá liberado.
- Qualquer um pode concorrer - não precisa ser comentador habitual não.

Então... VALENDO!!!

PROCURANDO BIQUÍNI


Fiz minha listinha de natal, das coisas que estava precisando.
Biquíni está encabeçando a lista.
Mesmo sabendo que meu corpo está aquilo, e que eu não vou botar a bunda de fora neeeeeeeeeeeeeem fodendo, preciso de um biquíni novo.

A alternativa seria sair do Rio, e me mudar pra um lugar em que eu nem remotamente usasse biquini. Hum... Brasília? O Alasca? Deixa rolar, rs.

Acontece que eu ODEIO todos os biquínis que vejo! Sério!
Eu queria um biquíni MAIORZINHO, tipo de PIN UP, sabe como??



Mas NÃÃÃÃÃÃO, eu moro no Rio de Janeiro, então teoricamente eu só posso usar cortininha, fio dental e biquíni de lacinho!
Eu pareço a SHAMU presa numa rede de pesca, com biquíni de lacinho, é triste!! rsrs

Então agora, vai começar a temporada do bate-perna atrás do biquíni diferente, fashion e INEXISTENTE que eu gostaria.
Até porque nem todas as lojas vendem parte de cima separada da parte de baixo, e eu sou aquilo - peitão, cintura mais fina, quadrilzão. Então nenhuma numeração fica boa em TODAS as partes.
Sem falar numa estampa diferente, pois não gosto de nenhuma que tenha visto...

Olha, te falar que no desespero ando até pensando em mandar fazer na costureira um biquíni como o que eu quero...
O que fazer?

ESPERANDO TRON



Quem aí se lembra de "Tron", o filme? Com o Jeff Bridges?
É anos 80, os mais novinhos não vão lembrar...
Pois eu tou doida pra ver Tron - Legacy, o filme continuação que vai entrar em cartaz!!

Tudo bem que vou ter de baixar o antigo pra dar uma relembrada.
Mas enquanto o filme não entra em cartaz, olha que foda o ensaio da Playboy tributo ao filme.
Quer dar uma espiada?
AQUI!

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

AS MAIORES MAKEOVERS DO ANO!

Teve muita mudança de look em 2010!
Olha que legais (ou não, né??)


Rihanna abandonou o look mico-leão-dourado, rs.



Jennifer Hudson perdeu uns 200 quilos.




Simpson cortou o cabelo.



Mais corte de cabelo (esse eu amei!!)
Ah, tadinha da Scarlet... acabou de se separar do Ryan Reynolds....




Emma Stone mudou sem cortar radical.



Osbourne fez a mesma dieta de Hudson...



E Emma Watson teve o corte de cabelo do ano.
Ela já era linda antes, e mesmo sendo suspeita por amar curtos, arrisco dizer que ficou ainda mais.

Fonte: Elle

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

IMPLICANDO




Mulher quando quer implicar...

Ele estava assistindo ao jogo Manchester United X Arsenal
Torcendo pro Manchester, que é o time dele, da cidade onde ele nasceu.
E eu ao lado, vendo com ele, mas como não me ligo em futebol e não entendo, só puxando papo e falando abobrinha, pra fazer companhia.

Aí ele, todo bobo, comentando que o futebol inglês era atualmente um dos melhores do mundo, e bibibi, todo orgulhoso, e eu não me aguentei.

- Eu não sei como esses ingleses jogam futebol... sem ofensa, Nico, mas o povo da tua terra, com esse negócio de chá das cinco pra cá, e Rainha pra lá e toda aquela fleuma...
- Fleuma?????????? FLEUMA??????????

Ficou todo nervosinho, rs.
- Fleuma é o cacete! Só inglês macho, rapá! Os ingleses são foda - inventaram o futebol... não tem fleuma porra nenhuma! E mais - inventaram o esporte mais de macho do mundo, o RUGBY!!

Eu já rindo da defesa veemente dele.

- Fleuma... humpf! E tem o Beckham, olha lá! Vê só! Os ingleses são bonitos! Fala um cara mais bonito que o Beckham! E ele é o quê? INGLÊS! Jogava no Manchester! 

Nisso eu ria mais.

- Os ingleses são FODA! Inventaram o futebol, o Rugby, tem o Beckham e, e... ainda são PIROCUDOS!!!!! - acrescentando a primeira coisa que veio à cabeça, hahahaha.
Ele mesmo riu dessa.

Eu não podia perder a deixa e pisquei pra ele:

- Ah, Nico. Não dá pra dizer se os ingleses são todos pirocudos - você não pode julgar a nação toda POR VOCÊ, né!
Ele riu da minha gaiatice e começou e me fazer cosquinha.

A gente sabe implicar.
Mas a gente também sabe fazer média.
.

INTIMIDADE É UMA MERDA?


Ah... a intimidade.
A gente vive dizendo "intimidade é uma merda".
E é mesmo. É maravilhosa. E é uma merda ao mesmo tempo.

Rolam umas escatologias. Tipo, a gente estar com amigos, de repente rolar um cheiro suspeito, alguém ser acusado e a mulher do cara vir em defesa: "ah, não foi ele, eu CONHEÇO O CHEIRO DO DELE".
Ecoti, isso é triste, rs. Mas já ouvi inúmeras vezes.

A intimidade acaba com certas privacidades.
No que depender de mim, algumas não vão acabar NUNCA, rs.
Mas isso vai de casal pra casal, né?

Em compensação, outros tem até frescuras demais.
Tipos, não toleram se o outro precisar usar a escova de dentes dele. Eu estava almoçando ainda agora, e assistindo "Two and a half men", e teve um diálogo desses.
A mulher queria entender porque não podia usar a escova de dentes dele... se ele tinha colocado a boca em lugares piores, rs.

Isso é uma coisa que não nos importuna. Eu sou das pessoas MENOS "nojentinhas" que conheço (oi? Eu durmo com caninos na cama, rs). E já cansei de usar a escova de dentes dele.
Isso é punk quando o casal é namorado recente. Ele dormiu na casa dela (ou vice-versa) e não levou escova... dá pra ficar tenso com isso??
Eu acho engraçado.

E ir ao banheiro junto?
Ele até faz xixi de porta aberta... mas não gosta que eu fique muito perto. Eu, depois de 1 milhão de anos, já consigo também, desde que ele não fique perto.
Agora, as "outras coisas".... ele fecha a porta, graças a Deus!
Já eu... bom, eu não faço essas coisas, lógico; eu SUBLIMO ;)
(e ele está convencido que sim, pois nunca tomou conhecimento de nada a esse respeito, rs. Não me pergunte como consegui, em todos esses anos)

Agora, tem casais que FAZEM TUDO juntos.
Eu acho broxante. Tem quem não ache, eu respeito, rs.

Te falar, até banho eu acho difícil tomar junto.
Nem é por intimidade nem nada. É porque não funciona -  SEMPRE descamba pra outra coisa, e o banho fica meio esquecido, rs.

Fora isso: cortar unha - normal. Escovar cabelo - normal (tem gente que não acha. Acredite, a esquisitice é grande, rs). Raspar perna - normal. Raspar/depilar virilha - não tão normal, rs. Comer do prato do outro - normal (embora eu não goste de dividir comida. Não tem problema pegar do meu prato... desde que eu deixe ou ofereça, rs). Dividir copo - mega normal.

E pra você? O que é muito?
O que é normal??

SER PAI DE MENINA


O telefone toca quase 11 da noite.
Era um amigo nosso, eufórico, querendo falar com o B.

Acontece que ele é pai de um menino, adolescente, e ele já andava todo orgulhoso porque o filho conversava tudo com ele. Principalmente de sexo.
Uma semana antes, ele estava dirigindo com o filho no carona, quando o moleque vira e pergunta:
- Pai, tem camisinha com ESPERMICIDA, né?

Diz ele que quase bateu o carro, rs.
Mas depois se controlou, conversou à beça com o garoto, passou na farmácia e comprou um estoque de camisinhas GIGANTE pra ele.

Aí, nessa noite em questão ele estava ligando pro B pra comemorar:
- B, eu PRECISAVA compartilhar isso com duas pessoas - você e o Rafa! Meu filho não é mais virgem, cara!

O moleque tinha transado com a namoradinha, e tinha contado pra ele. E ele estava no céu - primeiro da emoção de saber que o filho tinha "virado homem", e depois pelo jeito como a coisa tinha sido feita; com responsabilidade, amizade e confidência entre eles....
Ele chamou o B pra tomar um chopp pra comemorar.

E eu tou só ouvindo a conversa e vendo o B rir satisfeito lá na sala.

Mas daí a pouco vem ele todo cabisbaixo, sorrindo meio de lado.
- O que foi, B?
- Ah, é que...
- ?
- Pôxa. O filho do cara transa, e ele me liga pra gente sair, beber e comemorar... Porra, quando for a vez da criança, não sei se vou ficar nessa felicidade toda não... vou ligar pra ele e pro Rafa sim - mas pra gente sair e ENFIAR A PORRADA NO MALUCO!!!

Eu me mijei de rir!! HAHAHAHAHA

É óbvio que o B não vai dar porrada em ninguém.
Se tem pai amoroso, aberto e amigo de uma filha, é ele.
Mas... mesmo assim ele é humano, né? rs
Ser pai de menina deve ser fogo pros homens!!! Por mais safo que o cara seja, deve ser fooooda controlar o ciúme.

PS: eu peguei esse moleque no colo bebê!!! G-sus, tou ficando véia meeeeesmo!!!

PRESENTE!

Aí ontem me chega uma CAIXONA aqui em casa!
É mó emoção quando chega encomenda sem você esperar, né?
Fui correndo olhar o remetente: "Samanta".
Hum, eu conheço poucas Samantas... seria a minha querida leitora??

Quando eu abri a caixa, fiquei meio nervosa, vá lá.
Acontece que dentro tinha um isopor, rs.
Imaginação fértil é uma bosta - já pensei logo que eu tinha aborrecido DE VEZ alguém, e tavam me enviando um rim, ou um fígado, ou alguma coisa macabra, HAHAHAHAHAH.

Que nada!

Espia só:


A fofa da Sam mandou presentinhos de recuperação pra GINGER!!
Bom, na verdade, ela mandou presentinhos pra família toda, né?
Duas refeições gourmet pros caninos, e dois brinquedinhos (um rosa e um azul - um pra Ginger e um pro Jack).
E TRUFAS de chocolate maravilhosas, que não estão na foto... errrr.... não deu tempo!!! rsrsr

Mas o melhor foi a cartinha!
Tão cheia de carinho!
E eu tou tão "precisada"!

Obrigada, Sam querida!!
Por me fazer companhia aqui nos meus devaneios.
Por ler e achar graça nos meus absurdos.

A gordinha ficou meeeeeega feliz! Pergunta se ela deixou o pobre do Jack ficar com o brinquedinho azul???
Ela quer os dois, rs.


Eu bem tentei tirar foto dela com ele, mas quem disse que a bicha parava quieta?????????????
Ficou tudo embaçado, hahahah.

As comidinhas, eles nunca comeram dessas - como são chics, guardei pra dar a eles no natal ;)

Obrigada de novo, Sam, por alegrar meu dia (e o dos caninos, e o da criança, que encheu a pança de trufa, hahahahaha)

Ai, ai.... esses momentos é que me lembram como é bom ter blog :)

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

DEUS É SURDO!


Agora tem uma igreja ao lado do meu condo.
Eu não sei qual é, nem é daquelas conhecidas. É uma genérica, num galpão.
Deve ser a "Igreja dos adoradores do esfíncter de Jesus", ou alguma coisa absurda assim. Só pode, porque nego não deixa o cara em paz, fora de brincadeira.

Pior, devem achar que Deus é surdo!
Porque como berram os félas-da-puta!!!

Quer louvar, beleza, tá no seu direito. Tento não julgar.
Mas o seu direito de gritar histericamente termina onde começa o do meu ouvido.

Impressionante eles acharem que prum cara que supostamente criou céu, terra e o homem, ele não seja esperto o bastante pra se dotar de uma audição melhorzinha, humpf!

CORÉIA, AQUI VOU EU!!


A irmã mais velha do B veio, com o marido e os filhos, passar as férias de final de ano no Brasil. Eles já estão morando na Coréia do Sul há um ano, e ainda vão ficar mais um ano por lá.

Queríamos saber tudo sobre a vida oriental: como era a escola britânica dos meus sobrinhos, como estava a adaptação, as amizades...
A mudança de clima também, já que o pequenino deles chegou aqui doentinho - saiu de lá com -4 graus, pegou neve paca em Paris e... chegou nesse calor senegalesco do Rio. Não há saúde que aguente.

Papo vai, papo vem, perguntei se ela estava fazendo "sucesso" por lá - afinal, eles são todos iguaizinhos (rs), todos de cabelo escuro, de olhinho puxado, e ela deveria estar chamando a atenção lá, pois é loira de olhos azuis, e fisionomia bem européia.
Foi o marido dela quem respondeu, dizendo que sim - eles ficavam encantados com o biotipo dela. Aliás, a família toda devia se destacar bastante, já que ele mesmo é indiano, com aquela aparência morena bem peculiar.

Perguntei como eles eram fisicamente, os coreanos.
- Ah... são todos magros. Muito magros. Magros e fortes - não existe coreano gordo.
- Sério?? Por que será isso?

Foi ela quem respondeu:

- Só pode ser a comida - é horrível!
- A comida? Muito ruim mesmo?
- Horrível! Logo que chegamos lá, todo mundo perdeu peso... eu cheguei aos 46 quilos (ela já é normalmente muito mignon). Eles só comem comida... saudável!
- É - o marido completou - mas não é nem saudável e boa. É saudável e uma porcaria, sem gosto algum!
- Eles quase não comem carne de vaca, que é cara e ruim; comem muitos frutos do mar e peixe. E porco, que é bem barato. Não usam açúcar de jeito nenhum. Não comem sobremesa. Quase não se vê chocolate. E a comida é sempre meio gororoba e sem gordura.
- Ah, sim. E eles não tomam refrigerante. Só uns chás mornos nas refeições. E comem muita alga.

Eles iam falando, e embora o panorama alimentar coreano parecesse o pesadelo dos pesadelos pra mim, ao mesmo tempo pareceu o paraíso das dietas!! rsrs

Taí, peeps!
Mudar pra Coréia é a solução, rs.
Lá não tem jeito - ou você come aquilo, ou você come aquilo.
É a ULTIMATE DIET, hahahahah.

Coreanos são magros.... e é pra lá que eu vou ;)
Boa semana pra vocês.

sábado, 11 de dezembro de 2010

MAIS OPINIÕES NADA A VER SOBRE FILMES

Andando pelos canais a gente sempre vê um ou outro trecho de filme que já tinha visto antes.
E o bom de ver de novo é que a gente não está tão concentrado nas falas, nem enredo, nem roteiro, e pode prestar atenção a outras coisas.


Dia desses peguei esse aqui começando. E o começo é tão bom, né?
Sou fãzoca desse filme. Mesmo.
E olha que nem tenho nada especial pelo Liam Neeson, mas acho esse roteiro do caralho.

Aí, filme vai, filme vem, caiu a ficha: raios, esse personagem é ALFA PRA CACETE!!! rsrs
Até o B concordou.
Disse que ele era o "alfa da  terceira idade", rs.
Brincadeiras à parte, eu comecei a reparar que é isso que adoro no filme: o personagem não tem "nhénhénhé".
Sequestram a filha dele, e ele vai atrás sem parar pra pensar, feito um rolo compressor.
Não fica conversando - atira mesmo, em meio mundo, e até em amigo. Mata quem tem que matar sem firula nem remorso.

Ok, não é o lado "matador" que faz ele alfa, nem o que gosto.
É o fato de que a filha pode contar com ele. Porra, até a ex-mulher pode contar com ele, rs.
Ele vai e RESOLVE.
Hehe, tenho fraco por caras seguros e confiáveis assim, rs.

Quero um pai desses!! rs



Aí depois virei pra Matrix- reloaded.

Bem na cena do banheiro, em que a Monica Belucci pede um beijo pro Neo.
Assim, essa cena dá dó.
Quem foi a alma "brilhante" que resolveu colocar lado a lado a Trinity e a Monica Belucci????!!! Que sacanagem com a Trinity!!! rs

Não me entendam mal - eu amo a personagem da Trinity. Já até me fantasiei de Trinity numa festa à fantasia (o B foi de Neo, lógico, rs).
Mas ela nesse filme, e nessa cena especificamente, tá uma lambisgóia, rs.

Magricela, ossuda, com o cabelo emplastrado lambido, e a boca muito fina.

Contraponto com a deliciosa Monica!
Ela aparece voluptuosa, linda, e com uma boca....!!!


Ela tem uma boca muito peculiar.
Maior em cima - parece um coração!
Muito se fala na boca da Angelina Jolie, mas pra mim a boca da Monica é que é algo!

Enfim.
Eu sempre fico tensa nessa cena.
Mesmo sabendo como termina, fico sempre ansiosa, na expectativa de que o Neo vai se ligar na mulher  macia que tem nos braços e vai dar uma bicuda na esquálida da Trinity.
Sempre respiro aliviada quando termina, hehe.

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

DESMASCARANDO A SALLY



(cena de "Harry e Sally". A melhor de todas - ela fingindo um orgasmo, pois Harry cisma que sabe quando está sendo enganado. Aliás, a cara dele durante a encenação é im-pa-gá-vel!)

Que atire a primeira pedra aquela que nunca fingiu!!!

Por que as mulheres fingem, hein?
Teoricamente é pior pra elas - quem não está gozando são elas.
Então seria de se esperar que nunca fingissem - pelo contrário, exigissem e cobrassem quando o negócio não funciona (que nem uma conhecida minha, que conta que na primeira vez dela com o marido não gozou, e avisou a ele. E ele teve de "começar" tudo de novo, rs)

Conversando com um bando de mulheres (a fatídica "roda feminina", onde surgem os assuntos mais escabrosos), descobri algumas coisas interessantes.
Diferente do que os caras possam pensar, a atitude nem sempre tem a intenção de ludibriar o parceiro.
Ok, não é legal, nem o ideal. Mas se você lançou mão do artifício uma vez na vida em caso de extrema necessidade, também não precisa se crucificar!

Às vezes no dito dia ela não estava no clima, e depois de um tempo trepando percebeu que não conseguiria mesmo, e aí fica embaraçada de avisar que "pode parar". Às vezes não rolou por "N" motivos, e ela quer deixar pra lá, mas fica com dó porque o cara super tá se esforçando, e ela não quer desanimar ele.
É como se ela broxasse.
Confessa - se você é homem e pudesse "disfarçar" uma broxada, em prol do orgulho própio, você não faria?
Então.

E os homens que ficam revoltados com "não-gozadas" femininas, não sabem do seguinte: a maioria das mulheres concorda que sexo é bom... mesmo se uma vez ou outra acontecer dela não gozar.
Mas claro, se ela ainda não gozou, mas está a fim ainda de, deixar claro é essencial. Até pra corrigir a situação.
Engraçado é que tem uns caras (como o Harry no filme) que JURAM DE PÉ JUNTO que a mulher que está com eles não poderia estar fingindo de jeito nennhum.
Eles ACHAM que sabem diferenciar.
Dá pra ver no filme que nem sempre, né?? rs

Mas sabia que CIENTIFICAMENTE dá?
(acho que vou ser escorraçada pela mulherada por espalhar essas info privilegiadas, mas... rs)

Me lembrei de um episódio de NIP/TUCK, onde o Dr. Troy explica como:


Christian Troy: You didn't have an orgasm, is that right?
Grace Santiago: Not a shudder.
Christian Troy: You're a liar. I rode you like a triple crown jockey, and you came.
Grace Santiago: Get out of my face right now.
Christian Troy: I counted each contraction. Three times.

Ele diz que contou as contrações. E é verdade.
Alô você que vive fingindo - se liga, que isso procede! rs
Não é 100% exato, pois existem diversos tipos de orgamos (clitoriano, ponto G, por penetração...) e de diversas intensidades (daqueles de deixar em coma, aqueles fraquinhos e rápidos...)
Mas na maioria dos casos, quando uma mulher goza, ela sofre espasmos vaginais.

Vê só o trecho do artigo que eu encontrei no IG/notícia, que aponta esse e outros sinais:

"Pouco antes de atingir o orgasmo, o clitóris retrai. Então, se você notar que ele está desaparecendo, é um bom sinal. (...)


Além disso, pupilas dilatadas são um forte indício de que ela está prestes a chegar lá. Ok, as luzes precisam estar acesas para você observar isso. (...)

Agora o principal sinal de que ela chegou ao orgasmo é a maior intensidade dos espasmos vaginais. São entre 3 e 10 contrações, no auge, que irão tornar a vagina mais apertada, coisa que você irá notar.
Repare também se a sua companheira arqueia as costas, se os mamilos ficam mais duros e se o clitóris fica muito sensível. O normal é que ela diminua bem o ritmo ou pare completamente após o orgasmo em decorrência dessa sensibilidade.(...)"

Tenso, né?? rsrs
Confessa, que você vai pensar duas vezes antes de fingir de novo, de medo dele ficar prestando atenção nas suas contrações! rs

PEGAR OU LARGAR





Mais um clube de compras coletivas e descontos de arrrasar!

É o PEGAR OU LARGAR, do supermercado Zona Sul Atende.
Agora, toda quinta uma oferta imperdível no site.
Imperdível meeeesmo!

Hoje estou tentada a comprar o espumante Dignus pro Reveillon - a caixa com 6 Dignus está de R$147 por R$90!
Cada garrafa saindo a R$15!

Eita, que é espumante suficiente pra botar todo mundo bêbado!! rsrs
Corre lá.

AQUELES PELOS!


A maioria dos caras não sabe. Mas quando você vai a uma depiladora, normalmente você se depara com essa "tabelinha" bizarra acima, rs. Algumas são até piores, como a de desenhos artísticos (borboleta, trevo da sorte...).

Outro dia, estava assistindo "Two and a half men", quando ouvi a seguinte hilária conversa do Charlie:

Herb: Hey, Charlie, I've got a question for you.
Charlie: Yeah.
Herb: The hotel I'm staying at has pay-per-view adult movies.
Charlie: Uh-huh.
Herb: Whatever happened to pubic hair?
Charlie: Gone the way of the dodo bird, my friend.
Herb: I mean, I can understand it with the ladies, but what's the deal with the fellas?
Charlie: I don't have an answer for you, Herb.
(algo como:
- Hey, Charlie, tenho uma pergunta pra você
- Yeah?
- O hotel no qual estou ficando tem pay-per-view de filmes pornôs
- Uh-huh
- O que aconteceu com os pelos púbicos?
- Seguiram o mesmo caminho dos pássaros Dodô, meu amigo (ou seja, estão extintos, rs)
- Tipo assim, eu posso entender isso com as garotas, mas o que acontece com os caras?
- Eu não tenho uma resposta pra você, Herb)

Eu fiquei rindo, porque né, REALMENTE, o que aconteceu com os pentelhos???
Sumiram!
Não se usa mais!
Qualquer revista Playboy, Vip, filme no Sexy Hot, RedTube... não se vê mais um maldito pentelho! rs

E não é mesmo só com as mulheres - com os caras também!

Engraçado que quando eu era garota, o máximo em matéria de depilação era tirar as laterais da virilha, pra não aparecer quando usasse biquini!

Hoje não!
Se sobra alguma "coisinha" em cima, é um milagre! A maioria das meninas que conheço não tem usado nem.... NADA!
A tal "tricotomia" (depilação total) no salão era usada só por quem ia se operar - grávidas e tal. Mas a mulher do salão me disse que hoje em dia é a mais pedida, aff!
E os maridos e namorados que eu sei que pedem: "deixa só uma tirinha?" ou "tira tudo?"
Quem diria que esses pelos virariam fetiche total!

Engraçado isso, né... moda pra pentelho!
Pois é.

Masculina, por exemplo. Sei de amigos homens que antes nem mexiam no bagulho, e hoje até raspam tudo. Com lâmina de barbear mesmo.
A maioria ainda reclama até de uma aparadinha - dizem que coça, rs.
Pelo menos não dói, né? Se nosso único problema fosse esse... no nosso caso a mulher quer saber o quão "funda" é a depilação.
Se começa na frente e termina atrás. Um pesadelo!! rsrs

E lembrar da geração do meu pai, que foi traumatizada pela selva amazônica da Cláudia Ohana... como mudamos, ahahahahaha.

Mas voltando à depilação masculina.
Olha, "sem nada" não sei se acostumo de ver. Mas até que uma aparada é providencial.Os ogros de antigamente não aparavam nada.
Sem grosseria, mas... ninguém gosta de acabar com um pelo púbico entalado na garganta, né????? hahahah

E hoje já tem até aparador de pelos íntimos. Pra mulher e pra homem.


Te falar que o feminino nem tem muito uso, pois como eu disse, andam todas... peladas!
Mas o masculino é legal. Esse aí da propaganda pode ser usado até no chuveiro, rs.
Apara pentelhos e cabelos no peito, hehe.
Aí, bom presente de natal pro bofe!

De volta à moda pentêlhica feminina.

É tão engraçado, a depiladora te pergunta logo de cara:
- Vai querer que "sobre" alguma coisa? Como? Tipo moicana, triângulo, pista de pouso, bigodinho do Hitler...??

Te falar que nunca sei o que dizer nessas horas. Fico meio intimidada.
Dá vontade de perguntar: "hum... o que está se usando mais?".
Mas não dá, né.
É pentelho.
Embaraçoso.