terça-feira, 31 de março de 2009

CACHORRO SUI GENERIS

Vocês já viram um cachorro roer unha????

Pois é, o Jack deu pra isso agora....parece até gente (aliás, eu tenho a firme convicção de que ele se convenceu de que é gente. Ou gato. E que NÓS somos os bichos de estimação dele). Eu brigo com ele, mas quando ele acha que eu não estou vendo, ele começa a roer disfarçadamente...srsrs. E nem adianta cortar; ele rói mesmo assim.

Nas fotos é ele se esbaldando em Mauá, tomando banho de rio.

Pior é que ele andava fazendo um pouco de xixi nuns lugares meio estranhos... e quando eu chamava a atenção dele, ele ficava todo constrangido (não tou louca, ele fica mesmo. Abaixa a cabeça e tudo! rsrsrs).

Aí ontem eu descobri! Ele faz pipi DORMINDO!
Ele sonha que está fazendo xixi, e acaba saindo um pouco. O típico xixi na cama, feito criança! rsrsrsrs

Como é que pode, a gente amar tanto um bichinho assim?? Quando o B chega em casa, fala primeiro com ele. Ele dorme embolado nas nossas pernas. Tou escrevendo o post com ele no colo (ele passa o dia no colo, enquanto eu trabalho, pq é uber carente, e não gosta de deitar no chão).
Ele faz uns barulhinhos, que não são latido nem rosnado, que parece que ele tá reclamando, ou falando. Adora um chamego.

Ele implica com a Memée como se fosse criança mesmo, como se fosse irmão. E é todo peculiar: ao invés de comer os ossos e brincar com as bolinhas, ele esconde os ossos e COME as bolinhas....rsrsrsrs

Ele é a alegria da casa, o bebezinho. O que faz dar risada. A gente não consegue mais ter uma relação homem-animal com ele. E pior é que eu sei que a maioria das pessoas não se sente assim em relação aos cachorros. Até gosta, mas...

Repito, como pode a gente amar tanto um bichinho assim?

13 comentários:

Renata Mel disse...

Eu te entendo... Impossível não amar tanto assim um bichinho que nos olha retribuindo cada miligrama de amor que damos a eles. E que muitas vezes nos dá mais amor e atenção que qualquer outra pessoa em volta (principalmente durante a TPM! rs). Eu amo cachorros, no momento não tenho, pois moro em aptº e eu e Ju não temos muito tempo... Mas assim que nos mudarmos minha 1ª aquisição será um Golden Retriever!

PS: O Jack é lindo, lindo demais! Me apaixonei!!! rs

Ice Ice Baby disse...

eles são melhores q metada da raça humana né?!!

Elise disse...

Eu ando tão apaixonada por Ja-jack, que quando saio de casa, fico morrendo de saudades.... e sim, ele é melhor do que muita gente que eu conheço...

Renata R. disse...

:´)

Sinto tanta saudade da minha cachorrinha. Tanta. Por quinze anos ela foi a minha companheira. Ela falava com os olhos. E, como o Jack, com os ruídos que soltava. Até hoje me lembro dela pedindo carinho com a patinha. E fugindo do banho. E pedindo iogurte. E fazendo uma super festa quando eu chegava. Mesmo que fosse só da padaria. Nossa, era muito amor mesmo. Das duas partes.

:´)

Anônimo disse...

Oi Elise!

Sempre passo por aqui, mas nunca comentei...adoro a forma como escreve e todos os assuntos! Tenho que assumir que sou uma saladete com muito orgulho! haha
E tbém sou apaixonada por bichinhos, cachorro em especial...tenho um Pretinho vira-lata que é minha paixão...
Beijo,

Aline

Elise disse...

Rê, nem gosto de pensar nisso... eu digo pro B que até ele ficar velhinho vão descobrir um jeito dos cães viverem mais tempo...

Aline, obrigada por tudo (por ler, e por ser saladete, rsrsrs).
Os vira-latas são tão espertos... eu sou a maior fã dos viras. Jack atualmente é meu melhor amigo. Louco, né?
Beijas.

Anônimo disse...

Eu encontrei meu Bóris abandonado bbzinho total e ele me escolheu e pra vc ter noção me casarei em junho e até a caminha dele será nova para a casa nova! haha
As pessoas q amam dessa forma os bichinhos se identificam e não acham isso loucura não!
Comentarei mais vezes!

Bjo,

Aline

Renata disse...

É muito amor mesmo. Os meus gatos são filhos, membros da família mesmo. Falo toda hora pro André: "não faz assim no seu irmão...tem que fazer carinho! rs!"
Mas olha, o Cheddar tem CERTEZA que manda em mim. A hierarquia aqui em casa é Dani, Cheddar, Eu e depois a Ricota, que é a mais boazinha, tadinha...rsrsrsrs!
beijinhos, Re

Jussara disse...

o Jack é muito fofo e pelo jeito é membro da família! Tb não consigo tratar as minhas como animais, pra mim elas são quase humanas, rs, ou mais humanas que muita gente que conheço.
Eu entendo perfeitamente o amor de vcs por ele :).

Luana S. Alves disse...

meu namorado tem uma beagle linda, que ja é minha tb hahaha, fico horas fazendo carinho nela e qnd eu paro, ela estica a patinha e me chama!!
ela tb dorme enroscada na gente, mas ela prefere dormir bem no meio de nós dois. No pe ela nao gosta ! Pode isso?

nao consigo viver sem ela mais !

bjos elise, adooooro o salada!

Dani Mansur disse...

A pergunta q vc fez, eu me faço todos os dias "como podemos amar um bichinho tanto assim?".
Eu tenho um poodle fofo, q juro q é gente...acho até q ele "fala" comigo!
como? como? como assim tanto amor?

Ligia disse...

realmente! como podemos amar tanto esses bichinhos? Sinto uma falta imensa das minhas pequenas, pois fico o dia todo fora. Qdo chego em casa, um chora, a outra corre pra pegar a bolinha querendo que eu brinque com elas! Cachorro é tudo de bom!.. E seu jack é lindo d+ ^^
Ah, sempre leio o blog, mas quase nunca comento rsrs.. Adoro!

Elise disse...

E viva os bichinhos que nos fazem tão felizes!
Obrigada por comentarem, chéries!
Adorei as estórias.
Beijas.