segunda-feira, 20 de julho de 2009

VARINHA MÁGICA


Sexta eu fiz a marmelada. E não é que deu certo????????

Super certo. Ficou muito gostoso mesmo...

Só que me aconteceu a coisa mais engraçada: como marmelo não é muito popular aqui no Brasil, eu só encontrei receitas de portugal pra fazer.

Até aí, pensei eu, sem problemas. Falamos todos PORTUGUÊS, certo?

Rá. Mas não é bem assim....rsrsrs.

Eu li trocentas receitas, e depois de muito trabalho de ADIVINHAÇÃO, cheguei à conclusão que CHÁVENA era xícara, e que LUME era fogo. Ok.

Só que lá pelas tantas, aparecia assim: "... depois de ferver, coloque a VARINHA MÁGICA na panela e transforme tudo em purê!"

COMO ASSIM???????
E quem disse que eu sabia o que era a tal varinha mágica????????

Vou fazer uma reclamação formal, pq como assim eles tem VARINHAS MÁGICAS em Portugal, e nós não?? rsrrsr. Eu quero uma varinha mágica DJÁ!! rsr

Eu ainda tentei uns passes de mágica sobre a panela, dando ordens ao marmelo ("vire purê! Vire purê, seu desgraçado!!"), mas não rolou.....
Teve de ser no garfo mesmo, rsrsrs.

PS: fiquei admirada com a paciência e tempo dos portugueses!! TODAS as receitas (não só as de marmelada), mandam PESAR tudo na balança trocentas vezes, ou deixar sei lá o quê de molho durante 2 dias, ou cozinhar não sei o quê por 5 horas..... tudo DEMORAAAAAAAAAAAAAAAADO... deve ser por isso que a comida portuguesa é boa, afe!

17 comentários:

Anônimo disse...

Fiquei muito curiosa sobre o que seria varinha mágica e o "santo Google" respondeu: é um "MIXER"!!!!!!!!!!

Abraços,
Hérica

CooKie disse...

hahah
e no final das contas o que era varinha mágica??

pior que é verdade mesmo, tudo lá é mt bom!

Anônimo disse...

Varinha mágica é o liquidificador!he he he
Mari

Maria Inês Sá disse...

Caramba Elise, vc é muito co-mé-di-a!!!!!!
Claro q vc não me conhece, mas leio sempre o seu blog, assino feeds e não perco um post seu. A-do-ro seu jeito de se comunicar. Qdo vc estava de mudança quase te falei q sou Personal Organizer (sou do Rio mesmo), quem sabe rolava um trabalhinho rsss.
Mas falando sério, estou comentando neste post pq tb passei por isso. Meus pais são portugueses, minha mãe cozinha muito bem, só não gosta de fazer doces. Vi em um blog uma receita lusitana que tem natas como ingrediente. Estou eu aqui imaginando q (pela receita) seja creme de leite. Ela diz q é nata de leite mesmo. Meu Deus, imagina 2 pacotes de natas (400 ml)!!!!! Quanto leite será preciso hein??? rsssss
Bjs e até a próxima.

Silvia Maria disse...

Quem foi que disse que Brasil e Portugal falam o mesmo idioma? Hahaha
Bjks

renata959 disse...

Elise, seus posts são impagáveis. Varinha mágica foi demais!!!! Não consigo parar de rir, imaginando a sua cara, qdo a receita mandou usar a varinha mágica pra transformar tudo em purê, kkkkkk!!!

Juliana disse...

Meu Deus, li o post doida pra que você contasse o que é a tal da varinha mágica e nada!

Ainda bem que já contaram.

Maria Inês, ouvi dizer que noi sul do Brasil vendem nata da mesma forma que em Portugal e outros países, as vezes fico doida pra fazer uma receita e a tal precisa de nata... Estou entrando em depressão por isso.

Carol disse...

Nossa!! Essa foi muito engraçada. Chávena eu até sabia porque em uma certa época estava muito inspirada com a cozinha e pegava mil receitas. Varinha mágica hahahahahahah
ainda vou rir por um bom tempo.
Adoro seu blog.
beijos

Thatiana Monteiro disse...

Tente ler um livro em português de Portugal pra você ver, às vezes é de chorar de rir!
Eu adoro, posso dizer que acho até "fofo".
O blog continua maravilhoso, me divirto horrores com seus posts, parabéns!
Bjo

Clarisse disse...

Ahahhaha Elise, eu tbm quero uma varinha mágica!! Vou mudar de apê em umas 2 semanas e ia ser beeeem útil, rsrsrrs.

Ah, sobre a nata: em alguns lugares do interior do Nordeste tbm tem pra vender e é bastante usada na culinária, por exemplo, no feijão. Eu nem gosto de feijão, mas com nata fica uma delícia... Beijos

fátima disse...

uma vez eu peguei emprestado com uma amiga portuguesa um livro de culinária daqueles bem antigos, tradicionais, pra ler assim como literatura, sabe? eu me divertia tentando imaginar o que eram os ingredientes (cacetes, grelos e por aí vai...rsrs...)

bj

renata959 disse...

Lembrei de algumas traduções 'curiosas' (Portugal /Brasil):
Fila = é bicha lá [vai entender]
Estacionar de ré = estacionar de cu
Chávena eu sabia pq sou das antigas e li "As Meninas Exemplares" da Condessa de Ségur [pode rir, tbm estou rindo].
Se nao me engano meninos = putos lá.
Lume eu nao ia saber nunca. Se bem que a palavra vagalume deve ter alguma relação. Sei lá...

Juliana disse...

Só no Sudeste não vende o djabo da nata no mercado?

Anônimo disse...

Encontrei este blog por acaso, qdo estava à procura de uma receita para experimentar a minha nova... VARINHA MÁGICA!
Achei interessante o post, sendo eu portuguesa. Nós, portugueses, também pensamos o mesmo do português do Brasil, por vezes nem a gramática é igual!
Bjs de Lisboa, Portugal.

Luciana disse...

Cheguei nesse blog na tentativa de descobrir o que era a tal Varinha Mágica. Ri demais aqui... Também acho engraçadíssima a tal da Bimby, que já vi num monte de blogs. Também acho de escangalhar de rir... bimby, assim com ipisilone mesmo...

Érika disse...

AHH... QUE BELEZA DE SITE VIU ESTOU AKI RINDO DE MIM MESMA SABE POIS ESTAVA EU COM A MESMA DÚVIDA UM MONTE DE VEZES JA DEIXEI DE FAZER RECEITAS POR NÃO SABER O QUE SIGNIFICAVA A TAL DA VARINHA MÁGICA BOM AGORA TA TUDO LEGAL NE POSSO FAZER MINHAS RECEITAS EM PAZ KKK MAS EU TO AINDA COM MUITA VONTADE DE RIR POIS MEU ESPOSO ACHOU QUE ERA MESMO UMA VARA DE ALGUM MATERIAL ENTÃO ELE PERGUNTOU:"AMOR VC VAI FAZER MACUMBA OU UMA RECEITA?"RSRSRSRSSR AI DEUS AGORA VOU JA EXPLICAR PRA ELE NE OBRIGADA GENTE ESSE BLOG É BEM LEGAL

jamil reporter disse...

Vlw, pela dica da varinha mágica. Tava emperrado no meio da maionese, procurando a tal varinha na cozinha. kikiki