quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

O MANOBRISTA


Essa o B me contou ontem.

Ele foi a uma reunião em um lugar bacana, e deixou o carro com o manobrista.
Ok.
Daí na volta ele pegou o carro, agradeceu ao motorista e foi dirigindo pra casa.

E nesse momento a coisa o atingiu como um raio:
o manobrista tinha deixado O MAIOR PUNZÃO dentro do carro.

O pobre falou que quase sufocou! Abriu todos os vidros, praticamente botou a cabeça pra fora, e mesmo assim ficou sufocado com o gás mortal!

Isso foi na Zona Sul, e o cheiro durou até a Barra, tamanha potência letal!!!! E o B foi praguejando o tempo todo, rsrsrs.
Pior foi o que ele me disse meio puto depois:


- Estou com medo do cheiro ter entranhado nos furinhos do banco de couro do carro...

EWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWWW!!!!!

PS: Céus, que gente porca! Pô, justo no meu carro novinho... fiquei morrendo de raiva! E meio com nojo do carro. Vou ter de levá-lo pruma daquelas lavagens power, que lava os bancos, higieniza, desinfeta, sei lá....rsrsrsrs

6 comentários:

Hellen disse...

Meu cunhado fez isso uma vez. Ele, meu marido e uns colegas foram ao mercado fazer compras prum churrasco que iríamos fazer. Meu marido disse que chegaram, estacionaram o carro (DEBAIXO DE SOOOOOOOLLLLL) e foram pro mercado. Meu cunhado foi o último a sair. Ele pegou, fechou o carro e foram. Na volta, quando eles abrem o carro, tchãrãn. Tomam com um KU na cara. Agora pensa: peido engarrafado e no sol.

Ele disse que ficaram uma meia hora com o carro aberto, meu cunhado rolando no chão de rir e os amigos dando várias bofetadas no Ku de vala...

Hellyanna disse...

Ai que horror

naum deixa de ser cômico se naum fosse deverassssssssssssss trágico.........

eu acho que voltariam, juro, só de raiva.....

rsssssssssssss

Livia disse...

Que situação, hein!! Mas, pensando bem, o cara não tinha muito o que fazer, né, coitado...deu vontade, não tinha como segurar!Hehe..
Elise, vc nem sabe: sonhei que estávamos eu e você comendo ruibarbo! No sonho o treco parecia uma cebolinha verde, aquela coisa cilíndrica, só que meio doce. Na vida real pode até ser bom, mas no sonho não gostei não, nem você! Aí a gente chegava à conclusão de que era melhor colocar ele na salada de folhas verdes, e pronto. Surreal!!

mamae gi disse...

Que nojooooo kkkkk
ja passei por uma desta no elevador, 12 andares sentindo o cheirão
kkkk
odio ,parecia q o cheiro estava nos meus vcabelos kkk


abraços

Andréa disse...

Já aconteceu comigo no valet do shopping.
Amaldiçoei até a quinta geração do manobrista.
Que ódio dessa gente.
Pior que isso é voltar de Lisboa com um sujeito que sofria de flatulência galopante.
Amaldiçoei o indivíduo tbm.
Beijas

Maela disse...

é só de vez em qdo, o maldito do cara do meu estacionamento é diário ( fedor cecê )