quinta-feira, 15 de abril de 2010

NUMB


Desculpem não ter postado nada ontem. Quarta é o dia em que tenho trabalhado na rua, alocada num cliente. Não deixa de ser divertido, já que eu fico tanto em casa que estou quase virando eremita, rsrs.

Mas lá eu fico sem acesso ao blog, e acabei tão cansada que...
E também algumas coisas legais aconteceram pra me distrair: primeiro que a minha adega chegou!! (O B tinha me dado o laptop de b-day, mas como era uma coisa que eu PRECISAVA ele não considerou presente, e essa semana ele me veio com a surpresa da adega. Ela é climatizada e tem lugar para 8 vinhos - uma lindeza! Os vinhos que eu trouxe da Argentina já estão lá).

E depois chegaram os livros que eu comprei na Amazon! Super recomendo - cerca de 20 dias para chegarem e bem mais baratos do que aqui!

Bom.
Eu ando num momento peculiar.
Eu não estou triste. Eu não estou ansiosa. Eu não estou irritada.
Mas eu deveria.
E é isso que me assusta.

Tipos, eu estou de TPM. Vocês me conhecem na tpm - tudo me irrita. Aliás, mesmo sem tpm, várias coisas me irritam: a humanidade em geral, falta de elegância e educação, gente que fala e escreve errado, pessoas que não sabem pilotar carrinho de supermercado, gente que acha que é minha amiga íntima depois de me conhecer por 2 segundos... a lista é grande.

Mas nada disso anda me abalando.
Ôpa! Era pra isso ser bom, né?
Mas eu não ando sentindo assim.

Eu me sinto... ANESTESIADA. Insensível. Passou aquela fase de não conseguir chorar, ou chorar na hora errada. Inclusive, pouco antes do carnaval eu chorei tanto que achei que fosse me dissolver, desidratar ou explodir. Não é isso.

Mas parece que o mundo pode estar caindo ao meu redor, que eu não tou nem aí. Mas, como eu disse, isso não é bom. Eu tenho lido compulsivamente, um livro atrás do outro - e isso tb não é bom sinal.

Eu SINTO as coisas, eu percebo as situações e problemas alí, quase na superfície, mas é como se eu deliberadamente tivesse decidido ignorar tudo. E tou meio cabreira de como vai ser se isso tudo explodir.

E mesmo se não explodir. Eu tenho medo de estar insensível pra lutar, sabe como é?
De certa forma, percebo que é uma estratégia assumida - eu foco nas coisas boas; no B, na Memée, nos livros....como se estivesse me enganado.
Mas....

5 comentários:

Fernanda Costa disse...

Engraçado..ando me sentindo assim..é minha semana de TPM e não estou irritada..semana passada eu estava ansiosa pq queria as coisas do meu jeito..essa semana as coisas n sairam como eu queria..e tipo..n tô nem aí..confesso q sinto um pouco de medo quando isso acontece comigo. Acho q o q é novo na nossa vida incomoda, estranha, causa essa sensação que a gente não sabe nem explicar!
bjoss

Luciana Matos disse...

Às vezes a gente se acostuma com conflitos internos, externos intragaláticos rs!, daí quando as coisas simplesmente estão legais, na boa a gente fica estranhado e querendo "conflituar" tudo de novo... Só pra pensar...
bjo
Lu

Andréa disse...

Relaxa amiga.
Sabe o que é isso?
É a maturidade se instalando de vez em vc.
A gente vai ficando mais velha e começa a selecionar o que é realmente importante.
É mais ou menos assim:que se f... humanidade,mas asistir Tom e Jerry pode te fazer chorar litros.
Ah,espera chegar aos 40 então,a vida se torna insuportavelmente leve.
Às vezes pode acontecer algo que te deixa puta,mas vc desencana logo.
Olha só euzinha,um dia de terapia e já se achando no direito de filosofar.hehehehehe
Beijas.

Vine disse...

Para de "viajar" mulher quem me dera eu na minha semana TPM não querer esganar quem se aproxima...
husahusauhas
beijos


obs: é a Tatiana aqui ;)

Giuliana disse...

Elise, isso se chama gravidez!!!