segunda-feira, 18 de outubro de 2010

ALGUÉM DÊ UMA BIFA NESSE GORDO!!


Eu sempre tive uma leve implicância com o Ed Motta.
Mas não conseguia identificar o que era exatamente.

Aí, vendo ele no Jô dias desses a coisa me saltou aos olhos.
Primeiro que a entrevista com o Jô estava um saco.
O Jô é um fofo, mas é muito apaixonado pelo som da própria voz, né?
Aí me pega pela frente um Ed Motta, e danou-se - todo metido a entendido de um monte de coisa, e os dois entraram numa de ficar competindo pra ver quem sabia mais.
*Bocejo*

Tinha que ver os dois gordos! Brigando pra ver quem citava mais coisas obscuras.
Um mencionava um quadrinho famoso, e o outro lembrava do nome do ilustrador. Aí o primeiro lembrava o nome do colorista, e o outro corria a dizer o nome do ilustrador de fundos!
*Bocejo 2*
Em dado momento da entrevista ninguém mais nem entendia sobre o que os dois estavam falando.

Enfim.
Mas eu descobri que o que me irrita é o seguinte: ELE NÃO CANTA COMO UMA PESSOA NORMAL!!
Como assim?
Simples - ele não canta PALAVRAS!

A cada duas frases que ele canta, é só DUBIDUTCHURADUBIDUTCHURA!!!

Canta direto, PORRA!!
Chato pra caceta ficar vendo ele fazer evoluções com a voz (nem tão boas assim).

Uma frase e lá vinha... DABDANRATATA.
Uma palavra e... DABTCHURUHUMIEI

ARRRRGH!!!!
Gordo pernóstico da porra.
E ainda se achando a última bolacha musical do pacote, imagina!
Dá não.
Tinha que ver a cara de tédio de quem assistia. Ele devia ter algum amigo que virasse pra ele e mencionasse: "aí, Ed, mermão, na boa? Essa porra não é maneira. Experimenta cantar a letra da música pra variar"

Felizmente, pra ele, deve ter gente que gosta de ouvir resmungo ao invés de letra. Gosto é gosto.
Se não ele não continuava cantor, né?
Ia ser fumador profissional de charuto, degustador de foie gras, ou sei lá mais que porra ele acha que faz bem pra caralho...

17 comentários:

Jussara disse...

Tb nunca fui muito com o Ed Motta e não sabia pq, mas é isso mesmo: ele fica nesse "resmungo" sem fim! E tb acho as músicas dele enjoativas.
Mas Elise,o Jô fofo? NOT. Peguei birra dele, um chatão e arrogante que não deixa o entrevistado falar. Devia pegar umas aulas com o Roberto D'ávila, que fecha a boca qdo o convidado está falando e ainda faz perguntas interessantes.

Ricardo Aguiar disse...

"...E ainda se achando a última bolacha musical do pacote, imagina!"

Ahahahahah!!!

Essa foi muito boa! Apoiada! O Ed Motta parece um motor enguiçado de desenho animado... solta cada onomatopéia engraçada, que dói no ouvido.

Anônimo disse...

Me sinto até aliviada em ler isso, achei que eu era a única criatura do mundo a achar o Ed Motta um pé no saco kkkkkkkkkkkkk, e essa mania de fazer barulhos com a boca, detesto.

Hellen disse...

Agora visualiza: Jô entrevistando Faustão. QUEM FALARIA OU INTERROMPERIA MAIS???? rsrsrsrs.

Adriana Pereira disse...

Thanks God!!! Alguém que pensa como eu!! Eu acho ele um saco, chato para cacete, não tem voz para cantar, feio de se ver, e fica naquela gemessão irritante.
Arghh!

Clara disse...

Hahahahaha, passei a entrevista inteira pensando a mesma coisa!

Dois insuportáveis!

Quarto de Despejo disse...

Hahaha!!!
Me acabando de rir!
O problema dele é ser sobrinho de uma das vozes mais sensacionais que o Brasil já teve, na minha opinião, e achar que por isso é muito bom e ponto.

Bjs,

Lucia

consejodeamiga disse...

Nossa, concordo em gênero, número e grau. Em dado momento da entrevista olhei pro meu marido e falei: eu que sou burra, ou você também não tá entendendo LHUFAS do que eles estão falando?

Maela disse...

um belo dia, em um consultório eu não tinha mais NADA PARA LER e li uma entrevista com este merdão. Resumindo :
- Ele falou que não sabe porque nasceu no Brasil ( MAS HEIN?? ), pq ele ODEIA futebol, samba e caipirinha!
- Ele gasta todo o dinheiro dele em discos antigos, tem dúzias de prateleiras com milhares de discos de vinil, só de jazz ( entendeu pq não tem letra no que ele canta?? ).
- Ele se acha o máximo pq uma vez na casa do Boninho tomou um vinho mais caro que um carro, guardou a garrafa e fez todos assinarem a mesma.
- Ele não coloca uma música de sucesso desde Fora da Lei, pq acha a mídia um saco ( AHH TÁ ).
- Ele detesta pessoas, restaurantes e lugares novos ( OI??? Na minha cidade isso se chama TOC )

Meu... pq ele não vai morar.... em Serra Leoa???

Ana disse...

A M E I! Tenho abuso de quem quer mostrar erudição... fica pernóstico demais (ih! "erudição" e "pernóstico" soam pernósticos também!!! rsrsrs).
Ana

Anny disse...

kkkkkkk, só você pra me fazer rir depois do trabalho. Adorei DABTCHURUHUMIE!!!!! Não vi, mas vou procurar no youtube. bjas

Mari Paes disse...

Sou professora de canto e já ouvi esses protestos de vários alunos... me diverti com seu post huahauha
Bjão

Silvia Maria disse...

Ed Mota não morre mais.
Estava conversando com meu pai hoje sobre ele... tenho nojo dele sabe? Troco a estação na hora, me dá calarios... Arrrrrghhhhh!!!!!

Lis Miranda disse...

Até que enfim alguém que me entende!
Sempre detestei as "evoluções" que ele faz com a voz.
Adoro o blog, leio há um tempão, mas não sou muito de comentar rsrs.
Beijas

Lis Miranda

Érica disse...

Elise,
Seu blog é quase uma leitura diária pra mim. Vc escreve muito bem e tem um jeito bem peculiar de expressar suas opiniões.
Mas aqui discordo feio de você. Ed Motta, além de uma das grandes vozes brasileiras, é um músico excepcional.
O fato de não estar na mídia só diz que o som que ele faz não é simplesmente comercial. É música boa, não é um blablablazinho de letrinha idiota e música medíocre.
Ele como pessoa é outra coisa. Que se diga muito entendido de vinho ou gastronomia... sei lá. Não entendo nada disso mesmo, então não posso opinar.
Agora, de música, ele entende. E quem não entende não sabe apreciar.
Parabéns pelo blog sensacional,
Érica

Marcelo Donati disse...

É uma delícia usar um blog da net para falar a primeira besteira que venha à mente, né?
E endossar o coro dos descontentes é ainda mais 'maneiro'.
Aprendam uma coisa, dono do blog e comentaristas: se não gosta de algo, simplesmente ignore e continue com o seu mundinho.
Ed Motta não gosta de letras, isso é fato, e só pra constar, quando a música atingiu seu ápice com os compositores modernos, a coisa era toda instrumental.
Enfim, é gostoso se mostrar ignorante e criticar um cara só pq ele sabe mais do que a gente... pensamento de brasileiro que não quer nunca evoluir... triste...

Elise Machado disse...

Sim, é ótimo falar o que quiser.
E sim, ele pode ser a prima donna musical. Tanto que tem gente que gosta dele. Que bom para ele.
EU não gosto, e me reservo a opinião.

Não critiquei quem gosta, inclusive no post falo que cada um com seu gosto.
Respeito quem gosta.
Não sou ignorante, nem obrigada a gostar de uma coisa que acho um porre só porque é pseudo-intelectual.