quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

A FALTA DE BEIJOS



Eu venho reparando há tempos. Não é de hoje.
Em toda festa que vou, todo encontro, toda reunião, saída, cinema e até no dia-a-dia.

Os casais não se beijam mais!

Não se tocam, não se abraçam, não se pegam, não andam de mãos dadas!! O que está acontecendo???
Um amigo meu disse outro dia que os relacionamentos humanos andam muito frios - os amigos não se envolvem, não se abraçam, não se confiam. Será que os relacionamentos amorosos andam frios também? É só rotina e eventualmente sexo?? Sem namoro?

Se eu estivesse falando só de casais que estão juntos forever, você até podia dizer que essa era a explicação (não que isso faça sentido na minha cabeça, mas beleza). Mas tou falando genericamente, não de um casal específico. Conheço casais de muitos anos que ainda são carinhosos... e casais super recentes que mal se tocam. Alguns até de poucos meses ou semanas!
Eu fico olhando pra eles e pensando como são casais estranhos - parecem só amigos!!

Tudo bem que alguns casais não gostam de demonstrações públicas de carinho, mas eu acho isso tão esquisito. Sei lá, pra mim carinho é carinho, e dane-se se tem alguém olhando.
Fica aquela coisa estranha, sabe?
Você está ao lado de um casal, de mão dada com seu parceiro - ele segura teu pulso e dá uns beijinhos nele, depois você dá uma apertada de leve na cintura dele provocando; daí uns minutos, ele bota a mão no seu ombro, pra você passar por uma porta... e nesse meio tempo você está cercado de casais A QUILÔMETROS DE DISTÂNCIA UM DO OUTRO.
Que só conversam polidamente, ou discutem.
Conversar polidamente???
Mermão, cadê o fogo? A pegação? A provocação? A vontade de não largar nunca???

Te falar que conheço casais que eu NUNCA vi trocarem nem um beijo.
E nem tou falando de beijo "limpa amídala" não! Tou falando de beijinho que se dá até em amigo, o que que há?! Alguns são tão improváveis como casal, que você tem que se esforçar pra lembrar que são um!

Eu não sei se mais alguém tem uma maluquice minha - eu olho pros casais (conhecidos ou não), e fico tentando imaginar como os dois são na cama. Não é nada tarado nem erótico - juro! É só porque algumas pessoas não tem perfil pra coisa, e imaginar é engraçado.
Ultimamente tou tendo dificuldade de imaginar vários casais até beijando, que coisa!!

Não que eu esteja menosprezando o sexo em favor do namorico (beeeeeeem longe de mim, rs), mas como é? Os caras mal se beijam, se tocam ou se abraçam durante a semana toda. E em determinado momento eles transam? Ou só são carinhosos na cama, quando vão trepar? Ou é carinho com hora marcada?
Que esquisito!

Eu não tou julgando o namoro/casamento de ninguém não. Tudo bem que eu sou meio voyer/exibicionista no que diz respeito a beijos (é tão gostoso e bonito de ver, né?). Mas... como deve ser ficar com uma pessoa fria e distante?

Até poderia se argumentar que as pessoas (ela ou ele) são tímidos... mas não sei não. Tímido não quer dizer frio. Um amigo notoriamente tímido afirmou que a timidez não atrapalha em nada esses casos. Que os tímidos até podem surpreender os parceiros.

Então por que isso? As pessoas desaprenderam a namorar?
Estão todos tão mal acostumados a só receber umas migalhas emocionais e físicas, que qualquer beijo merreca a cada 4 dias tá valendo???

Cruz credo!

Ou será que as pessoas ficam com medo de serem taxadas de melosas?
Ora, mas que bobagem. Ser meloso ou pegajoso nada tem a ver com ser amoroso, carinhoso, cuidadoso, sedutor...
Uma coisa é uma coisa, outra coisa é... outra coisa!
Alguns caras talvez tenham medo de perder a pose... sei lá, tou tentando conjecturar alguma resposta!

Vai ver mais pessoas estão juntas por circunstâncias do que vontade ou tesão.
Sabe como?
Acostumaram. Não gostam de mudanças. Constituiram família, e aí mesmo não sendo "uma Brastemp" vão ficando. Mas e os que não tem nada disso?
Por que esse marasmo? Será que acham que não vão sentir esse tipo de urgência com ninguém mesmo, então se contentam  com aquela "mornice"?

Não que os solteiros não beijem - beijam até demais, de qualquer jeito e até buraco na parede, rs.
Estou falando de pessoas que já tem algum tipo de relacionamento.

Por que não se beijam?
Beijem-se, pessoas!! rs

27 comentários:

Alessandra disse...

Dessa vez eu vou comentar! rs

eu namoro ha 5 anos ja... e no começo do namoro era akela coisa de nao se desgrudar! meu, vc acredita q minha mae me enchia o saco? TODO MUNDO me enchia o saco? ficava falando q a gente nao se desgrudava bla bla bla. Odeeeio isso po! Eu via meu namorado 3x por semana só, queria o que né? rs

Mas depois de tanta encheção de saco, a gente acabou parando um pouco com exibiçoes em publico assim, pq meu, me julgaram demais!
Ate hj minha mae me enche o saco, fica falando q a gente eh muito meloso. Fala sério! (Oi? hj eu tenho 25 anos)

Apoio tudo o que vc disse e mais um pouco.

Bju!

Daniel disse...

Elise,

Primeiro obrigado pelo Coments.

Eu acho que o pessoal não se beija pois não quer se declarar em público. Por vergonha ou excesso de zelo.

Realmente cinema não tem pegação. Não existe mais pessoas que vão no cinema para namorar e perde partes importantes do filme. É um passeio, como se fosse amigo mesmo. Tem um beijinho na fila, uma abraçadinha, andar de mão dada no máximo. Se beijas na esquina, tropeçar na escada rolante por causa de um abraço gostoso ou mesmo um aperto ao melhor estilo "Upa" como diz minha afilhada, não tem.

Ou eu que estou vende de menos também.

Casais então... andam distantes ou um do lado do outro, a mulher carrega a bolsa entre ela e o homem, o homem geralmene com a mão no bolso ou cruzada nas costas. Cade o segurar no braço, o dar o braço (se quer ser respeitoso). A mão dada ou o abracinho lado-a-lado.

Pois é... estão parecendo meu avô, fazendo um eterno footing.

Beijos do Saladeto,

Daniel

Bia Martins disse...

Eu namorei 8 anos e estou casada a dois,quase não bj ele,as vezes esqueço acredita? ele q acaba perguntando cade meu bj? é tanta correria...
Ahh outra coisa nada a ver com o post, menina sonhei contigo ontem, e vc estava grávida!!!de outra menina!!! fala sério, tanto vampiro bom pra sonhar vou sonhar logo com vc? kkkkkkkk
bjus

§♥Bruxa♥§ disse...

Sou casada há 10 anos e mantenho o romance sempre. É mãos dadas, beijos, abraços... As vezes a gente está caminhando e para só pra dar bitoca.
Eu adooooro beijar, abraçar kkk, não sei viver sem isso e não ligo para o que os outros falam.

Bjs
Ara

Ana disse...

Concordo em gênero, número e grau!

Meu último namorado era frio, morno, não me surpreendia com beijos, carinhos, enfim... Como vc descreveu. Eu vivia insegura "será que ele não me deseja o suficiente?", "será que ele gosta de mim só como amiga e ainda não percebeu?", "será que o problema é comigo?", "será que eu estou acostumada a namoros adolescentes e um relacionamento maduro é assim mesmo?"... E era assim com semanas de namoro! Horrível! Durou 2 meses muito sofridos... Só porque eu sentia uma atração inexplicável por aquele cubo de gelo ¬¬. Acabei, mas o namoro destruiu minha auto-estima e minhas esperanças. Será que todo homem com mais de 21 anos era assim? Então, acabei conhecendo outro cara que era totalmente o oposto! Beijassos e carinhos toda hora, esse grude bom de querer e gostar de estar junto! E não era um adolescente... Enfim, pra mim essa é uma das melhores partes de se estar num relacionamento. Não me conformo com mornice e tenho pena de quem vive assim... E quero um homem que pense da mesma forma! =)

Seu blog é um dos meus favoritos!
beijos

Thielly Zamorano disse...

não consigo desassociar beijo e sexo... beijocas tipo selinho e mini beijinhos na boca rola muito...
agora beijo beijo eu nem começo se não posso terminar, meu marido fica hiper frustrado com isso...mas eu não consigo desassociar cara... bizarro...se começa um beijo mais demorado pra mim já é desculpa pra second round.

Daniel disse...

Thiely e não é bom ficar com vontade? Assim no meio de uma festa rolar um beijão e ficar com aquela excitação a festa inteira...

Eu daria um beijão, mais uns apertos... depois outro beijo... uns abracinhos...

Só pra provocar hahaha

E de noite em casa. Dai eu ia ver a vontade toda. Se desse tempo de chegar em casa.

Beijos,

Daniel

Flá disse...

Então, né, eu discordo um pouquinho. Eu acho bunitinho demonstrações fofas de afeto publicamente (abraçar,dar a mão e tudo e tals),mas acho q né, noção. Já perdi a conta de quantas vezes a minha fala com alguém foi interrompida pelo namorado q resolveu dar um SUPER BEIJO na pessoa com quem eu conversava, ou nêgo que anda pendurado no outro no meio do bar e fica de mimimisse enqto td mundo conversa...Eu sou super carinhosa (com amigos tb,haiuhaiua,cheia de abraçar e dar beijinhos) então eu tb estranharia casais totalmente distantes- algo q devo dizer,não faz parte da minha rotina!- agora tb acho q demonstração de amor non stop,principalmente em saídas grupais, é meio q viver na bolha! Agora né, só vc e o namorado...tem coisa melhor q andar pendurada e beijar sem parar? Nem q esteja o mundo inteiro olhando!!! Eu não só não gostaria de ficar nos agarros deixando outras pessoas desconfortáveis!! Enfim...escrevi demais,já! =)

Bjo,elise

Suellen disse...

Te contar que eu tbm tenho a maluquice de ficar imaginando os casais na cama, eu tava achando que esra doentio, mas lendo o que vc escreveu vi que era por esse fato tbm, tão distante diante das pessoas que era dificil imagina-los transando..
eu amo beijar, já gostei muito de beijar rosto de amigos, mas com o tempo isso vai ficando meio mecânico, então parei, mas beijar a boca do amor...a isso não canso nunca!
amo demonstrações publicas de afeto e carinho, e nada melhor que alguns olhares ou toques nas mãos para dar aquela esquentada!

bjão

ni disse...

Gostei muito desse post!
Dizem que essa coisa de ficar se tocando, ficar abraçado, de mão dada, é coisa de relacionamento novo, namoro novo e tal. Eu discordo. Meu relacionamento tem 5 anos e meio e a gente SEMPRE fica perto um do outro, mesmo em público, abraçados, de mãos dadas. Não é grude de ficar se beijando o tempo todo, não, acho que ficar dando beijo de língua em público é demais. Mas são naqueles pequenos carinhos mesmo, no fazer questão de tocar, que dá pra ver se o casal ta bem ou não.

disse...

Então, eu e meu noivo sempre observamos os casais e é impressionante como tem gente que além de não se tocar, não se fala, não se olha.
Isso virou até uma brincadeira nossa, a gente fala que não é um casal "normal" porque a gente conversa, dá risada, se beija...
Não faço idéia do que está acontecendo, mas acho esse tipo de coisa deprimente. Parece que as pessoas não estão juntas por querer, mas por conveniência, preguiça, sei lá.

Beatriz Cordeiro disse...

oi flor, tá rolando sorteio no meu blog, confere lá!
beijinhos

http://dicasdeamelias.blogspot.com

Diogo disse...

uma das coisas que tem feito eu curtir o blog é ver bons exemplos de pessoas que estão juntas e estão felizes! o seu caso, o caso de algumas leitoras, que estão com 8 anos, 5 anos, e ainda se curtem! eu tenho pouco tempo, 6 meses. pode parecer besteira, mas é bem legal ver outras pessoas contentes com o seu relacionamento. e quanto a essa questão das pessoas estarem menos carinhosas, eu acho que vai piorar, hoje em dia as pessoas estão mais egoístas no sentido de só se importar com a própria vontade, teenso isso aí

Maela disse...

Eu tenho tanto assunto sobre isso que renderia outro post.
Tenho uma amiga que o marido dela NÃO BEIJAVA e ela ama beijar. Resultado? Amante.

Sério!

E o amnate beijava! Beijava muito, o tempo todo.

Mas ela não se sentia bem tendo amante, achava ruim, errado e resolveu terminar.

Sofreu meses.. saudades, falta de tesão e... vontade de beijar.

O que ela faz agora? Toma lexotan!

MEU!!! LEXOTAN NO LUGAR DE SEXO! Faz idéia?

Tanto pentelhei que ela resolver discutir com o marido a falta de beijo. E ele disse que não beijava porque era melado, que ele nunca gostou e que aquela conversa era para apurrinhá-lo.

Resultado? Amante de novo.

Que agora é marido.

E eles se beijam muito!

Fim

Claudio Barretto disse...

Beijo no rosto, na boca, no pescoço, nas costas, mãos bobas, sarros e aquela sacanagenzinha ao pé do ouvido - se o casal não tem isso pode começar o bolão, pq vão pra vala em questão de tempo.

Elise Machado disse...

Peeps, primeiro - parem de arrumar filho pra mim!! rs Já é o segundo ou terceiro que sonha que eu tou grávida essa semana, aff!!

Alguém comentou que esquece de dar beijo e o marido cobra - pois eu conheço gente que esquece - aí a gente ouve a mulher reclamando "fulano, meu beijo!" rs

Eu já tive mais problemas de começar beijo que não dá pra "acabar", conforme falou a Thy. Mas hoje já lido bem com isso, rs. É como o Dani disse - aumenta a vontade de chegar onde dê pra acabar, né? ;)

Conversei com um amigo, que a ex não curtia demonstrações físicas em público. Achava coisa de "sudesenvolvido" (achei graça nisso, rs).

Já eu não aguentaria não ser "afagada" (na falta de termo melhor, rs) em intervalos regulares.
Me sentiria insegura e pouco desejada.

Infelizmente, hoje vou ter de discordar um pouquinho do Cláudio. Eu concordo em teoria (na maioria das pessoas é bomba-relógio mesmo não ter esse contato físico), mas na real eu vejo um monte de gente casada que vive assim há anos e a relação não acaba. Ou melhor - deve acabar, mas eles permanecem juntos. Aí concordo com ele.

Eu acho essa falta de contato (não necessariamente beijo, porque beijo por obrigação tb não adianta nada) uma coisa surreal.
Sou muito... orgânica, visceral, sei lá. Não consigo dormir se não estiver encostando nele, de preferência na "asinha", mas só com o braço dele em cima da minha barriga já tá bom, ou encostando os pés. Como ele é bem mais alto que eu (Eu - 1,57. Ele, 1,80), costumo andar na rua encaixada debaixo do braço dele. Se estou cozinhando, ele sempre passa e dá um tapa na minha bunda ou um beijo no pescoço.

Eu acho sim que o fato do casal não conseguir manter as mãos longe um do outro, de forma quase imperceptível e compulsiva é termômetro. Mesmo que não seja em público, que seja no privado.

Gentes, tudo bem que os casais tem fases, umas melhores e outras mais distantes, mas como alguém pode viver sem isso?? Não entendo mesmo.

Elise Machado disse...

Ah, detalhe. Eu tb conheci um cara que não era chegado a beijos pois achava "melado". E não era chegado a agarração, pois não tinha "paciência".
O negócio dele era só lidar com a mulher como amigo e meter (desculpe a grosseria, mas é verdade)
Como pode?????

Elise Machado disse...

E, por fim, um comentário que me ocorreu agora e que lembro com lágrimas nos olhos - o casal mais feliz que conheci foi meu Tio Miro e minha tia Fátima.

Eles ficaram casados mais de 20 anos, e ele vivia agarrando ela em qualquer lugar, rs. Era tarado nela e um dos melhores maridos e pais que já conheci. Totalmente apaixonado e devotado a ela.

Uma vez ela estava no hospital internada pra um procedimento cirúrgico, e ele (disfarçando o nervoso e a preocupação) ficava tentando enfiar a mão debaixo da camisola de hospital dela (aquela de bunda de fora, rs).

E ele continuou sendo assim carinhoso e alfa com ela até morrer, de um ataque cardíaco fulminante, aos 53 anos, há uns anos atrás.
Eles eram o amor da vida um do outro e ela nunca se recuperou.

Ok, agora paro, antes de começar a chorar :)

Jussara disse...

Esse post foi encomendado? rs
Acho que tudo tem hora e lugar...

Tb conheço casal que nunca se beija, mas nem por isso a relação terminou. Como vc disse, acho que é só mesmo na hora da cama.
Já vi mulheres falando que os maridos delas só as beijam quando querem transar...

Eu não sei, acho que vai mesmo da pessoa, do casal, e tb de saber beijar. Nem todo mundo sabe, e quando um não sabe acaba ficando sem graça para o outro.

Eu sou mais do tato, de querer dar a mão, ficar perto.
Acho que a rotina, a pressa, o dia-a-dia vão acabando com isso, ainda mais quando a relação é longa - as pessoas acabam "esquecendo". Acho que o emocional tb deve estar legal, a relação deve estar satisfatória pra se querer beijar. Então o fato de não beijar às vezes é um sinal de que as coisas não estão bem (isso entre casais longevos, não sabia que os recentes tb andavam não se beijando).

Será que tb não vai da criação? Da carência trazida da infância? De ter sido ou não abraçado, beijado? Muitos pais não abraçam nem beijam seus filhos.

Gosto de ser beijada e de beijo (desde que não seja melado, tenho horror, pior que tem gente que beija melado até no rosto). E não acho que todo beijo é melado, é que tem gente que beija assim, e eu não gosto, parece beijo de criança (mal comparando, é como língua no ouvido; acho que vc falou sobre isso aqui uma vez, que os homens adoram e as mulheres , a maioria, odeia).

Acho que vontade de não largar, pegação, fogo e tal é só no começo da paixão. Depois a coisa amorna mesmo, o que não quer dizer que não se deve mais beijar, claro.
Uma vez, conversando com um casal de amigos e falando sobre isso, eles falaram que quase não se beijam. E eles se dão bem.

Acho bonito casais de meia idade que ainda se beijam, que andam de mãos dadas.

Engraçado como algumas pessoas julgam o sentimento do outro pelo beijo, outras já não dão tanta importância, etc. Cada um é um.
Como alguns disseram aqui, parece que as pessoas estão mesmo menos carinhosas. Resultado dos tempos modernos?
Comentário super longo, mas tentei resumir :D.

Jussara disse...

Quando comentei ainda não tinha visto seus comments, Lise.
Que linda a história dos seus tios.
E ainda por cima ele era alfa. rs

disse...

Engraçado. Eu nunca parei pra analisar esse tipo de coisa.

Licele Faial disse...

Eu tbm imagino os casais na cama! E morro de rir na maioria das vezes!
Mas enfim, eu não me sinto mt à vontade pra ficar me agarrando na frente de todo mundo. Quando estou com os amigos, meu namorado acaba parecendo amigo também.
Mas sempre rola um carinho, um afago, beijinho. Nada chamativo, até pq não gosto de deixar os outros desconfortáveis.
Já passei por cada situação de estar com casal que não se largava um minuto... super desagradável.
Mas no geral, sou carinhosa até com meus amigos. Sempre beijo, abraço... é tão bom.

Jussara disse...

Só fazer um adendo pq ontem eu estava com um olho aberto e outro fechado quando escrevi.
Quando eu disse que tudo tem hora e local não quis dizer que tem hora certa pra beijar. Longe disso. Só acho que beijos "cinematográficos" não são legais em qualquer lugar. Dependendo do local acho ruim (de ver). Sou mais people watcher que voyer, mas não gosto de ver intimidade alheia. É isso.

aime disse...

Sinceramente? Hj as pessoas se importam tanto em parecer forte e equilibrado pra todo mundo... Q isso afetou os relacionamentos de afeto!!!!
Eu qd comecei a namorar ia no cinema mais pra dar amasso!!!! E MAIS NGM FAZIA ISSO!!!!! Muito pelo contrario!!! Qd viam q era um casal de maos dadas do lado ja faziam cara feia!!!! PEOPLE quual o problema se um casal quer dar um amasso na ultima sessao de sexta feira?! As pessoas nao se acarinham mais e nao querem ver isso, isso encomoda, talvez pq as lembrem de ser humanas!!!!
Eu sou mto carinhosa, nao sou chicletona nao, do tipo que nao desgruda do pescoço do cara 24h por dia, mesmo a gnt morando junto e trabalhando em casa... Mas fazemos TUDO oq faziamos no começo do namoro, mesmo já morando juntos ha qse 2 anos e estando junto ha qse 3!!! WE CAN'T GET ENOUGH of each other!!
Eu tinha o errado conceito de q uma relação madura talvez nao tivesse apelidos bobos e toda essa proximidade, por ver tantos casais por ai assim. HJ nao acredito mais!!!!
E qd vejo q meus sogros nunca deram um selinho na frente dos filhos, nem falaram que se amam nem nenhum outra demonstração de carinho, embora eles pareçam ter carinho um pelo outro, me faz entender o pq do quao carente meu namorado e o irmao dele são!!!! Unica e simplesmente pq nao era normal carinho na casa deles!!!!

Ainda acho que as pessoas pensam que carinho, afago, afeto e todas as demonstrações de um relacionamento alegre HJ significam um relacionamento imaturo, uma pessoa imatura, uma vida futil... Q qd se faz isso significa que vc é fraco, por parecer que aquela pessoa te faz mais feliz, te deixa mais contente, te faz ser mais criança e vice versa!!!!!
As pessoas querem cada dia mais parecer robos altamente confiaveis intelectualmente e altamente frio assim como o material constituinte docorpo do robo!!!

BEIJOCA!

Nice Oliveira disse...

Xiii beijar em publico pode dar até briga aqui em casa. Mas mesmo assim eu as vezes tasco o beijo nele na rua, ele fica morrendo de vergonha. Na casa dos sogros então?? Um dia eu estava alisando (sem maldade, so carinho)a perna do meu marido, e o meu sogro chamou minha atenção.Quase mandei ele ir catar coquinho.
Concordo com vc Elise!
Bjs

Suzi disse...

Muito triste. Tenho 20 anos, moro com meus pais e até hoje nunca vi um beijinho sequer deles. Pura frieza do meu pai, pelo que vi até então.
Triste mesmo, odeio isso.

Anônimo disse...

Tenho várias amigas que rejeitam beijos para não tirar o batom...
Batom é o .....!!!!
Bjas!
Rê.