sexta-feira, 6 de agosto de 2010

O TREINO DO OLHO


Essa semana aconteceu uma coisa curiosa.
Fui fazer um treinamento num cliente durante 3 dias. E o treinamento foi também com umas meninas de um setor bem básico da empresa. Ou seja, eram as empacotadoras, as caixas, as auxiliares...

Ficamos juntas, almoçamos, lanchamos e conversamos por 3 dias seguidos. No começo elas ME excluiram um pouco (rs), me olhavam desconfiadas, mas depois ficamos "parças" ;)
Eu, como estava trabalhando, e meu setor é o marketing, ia arrumadinha todo dia. Nada demais.
Elas, por uma questão óbvia de posição profissional, meio social e tals, iam de calça jeans agarrada, surrada, sombra dourada, unhas muuito grandes e coloridas, chinelo, top aparecendo a barriga etc.

Lá pelas tantas no último dia, uma delas, muito muito articulada, que não parava de puxar assunto comigo sobre estudar e sobre no que eu trabalhava e como vivia, me olha e suspira:

- Ai, eu queria tanto ser rica assim também, pra ir nas lojas que você vai... sua roupa é tão linda... parece uma bonequinha...

Eu sei que não devia, mas COMECEI A RIR.
Mas antes que ela ficasse magoada ou puta da vida, corri a explicar.

Eu disse a ela que a minha roupa era de uma loja MUITO FINA E CARA:
a RENNER!!!
Ela não acreditava.
Mas coincidentemente, naquele dia o conjunto era todo Renner mesmo, menos o sapato. Nem era nada demais: saia preta drapeada, com meia calça preta fio 40, camiseta justa branca e casaquete malva.

Não teve jeito dela acreditar; disse que nunca tinha visto esse tipo de roupa na Renner.

 Claro. Eu entendo - o olho dela não está treinado! Ele está treinado a procurar sempre as mesmas coisas. As coisas que se adequam ao perfil dela.

Não tou falando que o meu jeito de vestir é o mais foda. Longe disso - sou preguiçosa e daquelas que usa a mesma roupa 20 vezes seguidas pq cismou com ela. E quando tou de mal com a vida, saio toda esculhambada.
Mas ela queria poder assumir aquele estilo que eu estava vestindo e não sabia como. Falta só observação. Ela se vestia de acordo com o meio dela, e não com o que gostava de fato.

E nem me entendam mal - vocês sabem que eu adoro uma loja cara. Adoro roupa. Mas assim, nem sempre posso comprar nas lojas que eu quero. E, como TODA MULHER, eu adoro uma pechincha!
Tem coisas que não substituem uma roupa podre de chic e carérrima. São aquelas roupas investimento, que sozinhas vão segurar uma produção, vão durar forever, você vai usar tanto que vão se pagar...

Mas o INTELIGENTE é misturar isso tudo com coisas básicas!
Por exemplo: roupa pra trabalhar. Vale comprar tudo, sei lá, na Maria Bonita? Não, né!
Se você fuçar, vai achar peças ótimas, que valem o preço e bem usáveis em lojas mais simplesinhas.
Como?



Precisa de inspiração.
Seja uma revista, um site, uma amiga...
Eu, por exemplo, quando preciso comprar roupa pra trabalhar, uso a comadre Déia para"benchmarking", hahaha
Como ela tem um tino muito bom pra roupas, e se veste bizarramente bem pra trabalhar, eu simplesmente tiro inspiração do que vejo ela vestir e procuro peças parecidas.
Assim sei que não vou errar!

Se você monta os conjuntos do que quer vestir na cabeça antes, fica mais fácil se organizar pra comprar.

Eu e ela mesmo, há uns meses estávamos duras, mas queríamos comprar.
Nos enfiamos na Renner, ficamos hooooras lá, experimentamos tudo, e encontramos peças que ninguém diz que são de lá!
Misturadas com uma sandália chic aqui, um cabelo caprichado ali, uma bolsa poderosa...

Bom, tou falando tudo isso pra vocês, mas óbvio que pra menina não, porque era demais.
Só disse a ela que nós não éramos tão diferentes assim. E que podíamos comprar nos mesmos lugares.
Que era só o caso dela começar a olhar pra novas possibilidades ;)

8 comentários:

Bia disse...

Super entendo o que vc tá falando, eu acho que se vestir bem com peças mais em conta é um talento e tanto! Mas confesso que sou preconceituosa, não tenho paciência pra entrar nas Renners da vida e ficar horas procurando coisas legais...azar o meu! Fico morrendo de inveja quando vejo gente com peças incríveis que custaram pouco...por isso que prefiro me jogar nas promoções. Mas fiquei curiosa pra ver o seu look...fotografa pra gente! não? rsrs
Beijos!

Caroline® disse...

Eu penso assim também. Falta informação de moda pra maioria das pessoas. Algumas até gostariam de não serem bregas ou piriguetes (não muitas....), mas simplesmente não sabem como se vestir de forma adequada. Esquadrão da Moda pra todo mundo!

Marcela disse...

Sempre elogiam meu modo de vestir, dizem que eu estou impecável sempre e tal (e eu nem acho, pq realmente me considero uma pessoa básica) e nunca acreditam que eu as compro na C&A, a maioria! Eu sou ótima de C&A, acho cada coisa incrível e, juro, duráveis!
É uma questão de treinar o olhar mesmo... há coisa de uns 10 anos eu não teria esse olhar "apurado"... como eu queria dizer a essas pessoas meio sem noção ao se vestir que dá para fazer diferente! E vc tá certíssima!

Maela disse...

Comigo o mesmo.
Na manicure a colorista veio me elogiar e dizer que amou meu visual, que toda vez que eu chego ela vai lá dar uma espiadinha em minha roupa.. eu estava naquele dia de Marisa!!!

Sapato shutz e bolsa Legaspi... mas definitivamente... de Marisa!

Compro na Marisa, na Renner, adoro Riachuelo, mas biquini.... só Rosa Chá! ( na liquidação, óbvio ). Tb uso Forum, Zoomp e Farm... mas compro com moderação!

adri disse...

Realmente, olho treinado e inspiração são tudo, mudam tudo... Desde que comecei a ler mais blogs de moda, minha cabeça se abriuu muito, notei a diferença inclusive na hora de escolher roupas - tanto na hora de vestir quanto na hora de comprar.

É uma delícia, pq, além de mais estilosa, tu se sentes muito mais inteligente, pq conseguiu literalmente garimpar coisas bacanas numa loja onde tbm tem muita coisa tosca - como renner e c&a. Dá orgulho, né? hahha.

bjs!

ni disse...

Ahhhhhh não acredito!!! Eu sou totalmente ALOKA da Renner! gente eu amo aquela loja... as roupas são lindas, bem mais bonitas que as das outras lojas de departamento, só que assim, eu não acho baratinhas não. Blusa de 70, vestido de 120, isso não é preço popular.
Eu até tô evitando entrar na Renner porque toda vez que entro é 300 reais no MÍNIMO que eu deixo lá.

milly disse...

Excelente post, Elise! Acho q se as pessoas descobrissem como gastar melhor seu dinheiro, em todos os quesitos, tudo ficaria melhor. Eu tenho um armário lotado de peças lindas, e minhas amigas sempre me elogiam, mas se recusam a acreditar q nunca paguei caro por uma única peça de roupa. Em junho, entrei numa loja pra procurar uma blusa social pra uma composição, achei, custava R$ 149,00, me recusei a comprar. Comprei na semana passada na liquidação de inverno por R$ 49,00. Será q não compensa esperar um pouco? Tenho conhecidas q pagam uma fortuna numa calça jeans "piriguete" (tipo Gang)e nunca têm roupa adequada pras diferentes ocasiões. Espero q a moça pense no q vc disse, é tudo questão de treino msm, bjs!

Ingrid Andrea disse...

I blushed!! Gata, até parece que vc precisa de mim para isso né? Bjcs